Archive | junho, 2014

Prefeitura convoca suplentes do 338º ao 350º do Vila Paraíso

30 jun

Os sorteados têm até a próxima quarta-feira, 02 de julho, para se apresentarem.

A Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento – SEPLAN, comunica aos sorteados na categoria suplentes (do 338º ao 350º) para participar do processo seletivo como beneficiário do Programa “Minha Casa, Minha Vida”, blocos “A” e “B”, do residencial Vila Paraíso”, localizado no bairro Pampulha, amplamente divulgado pelos meios de comunicação e pela internet.

Considerando que até o momento alguns sorteados na categoria suplentes (338º ao 350º) não compareceram à SEPLAN, situada a Av. Volta Redonda, 1600 – bairro Volta Redonda, para confirmarem o interesse em participar do processo seletivo, bem como, para conferir a documentação comprobatória de habilitação, a Prefeitura informa que o último dia para se apresentarem à Secretaria é na próxima quarta-feira, 02 de julho.

O secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento, Vidigal Torres, alerta que, caso não compareçam a SEPLAN até a referida data, será considerada a falta de interesse pela participação dos mesmos no “Programa Minha Casa, Minha Vida” e desta forma, os sorteados serão automaticamente eliminados do processo seletivo.

Documentação comprobatória de habilitação:

  • Cópia do RG e CPF;
  • Cópia da Prova de Estado Civil (Certidão de Nascimento Atualizada ou de Casamento ou de Separação);
  • Cópia do NIS;
  • Cópia do Comprovante de Endereço;
  • Comprovante de renda;
  • Declaração de Beneficiário;
  • Procuração Pública no caso de analfabetos na carteira de identidade;
  • Cópia do RG e CPF do Cônjuge;
  • Comprovante de renda.

 

Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal de Caxias

Humberto Coutinho tem candidatura a deputado estadual homologada em convenção

30 jun

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

 

O ex-prefeito de Caxias, Humberto Coutinho, teve homologada sua candidatura a deputado estadual pelo PDT, em convenção suprapartidária realizada neste domingo no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, em São Luís. O evento, denominado de ‘Convenção da Mudança’ reuniu, além do PDT, outros oito partidos que também integram a coligação que tem o ex-presidente da Embratur, Flávio Dino (PCdoB) candidato ao Governo do Estado, ao lado do deputado federal Carlos Brandão (PSDB), candidato a vice, e do vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha (PSB), candidato ao Senado.

Humberto Coutinho esteve o tempo todo ao lado da mulher, a deputada estadual Cleide Coutinho (PSB), e foi saudado pelos convencionais como uma das principais lideranças que apoiam Flávio Dino e Roberto Rocha na corrida eleitoral que ora se inicia.

“Estamos confiantes na vitória de Flávio e de Roberto. A partir de agora começa a ser escrita uma nova história para o Maranhão, com mais justiça e igualdade para todos os maranhenses.”, disse Humberto Coutinho.

A deputada Cleide não escondia o contentamento pela maneira carinhosa como o marido foi recebido pelos demais convencionais presentes ao evento.

“É gratificante, perceber o respeito que as pessoas têm pela pessoa de Humberto. Isto demonstra que hoje o nome dele está sacramentado como uma das grandes lideranças políticas do Maranhão, graças ao belo trabalho que ele fez durante os 8 anos em que esteve à frente da Prefeitura e, também, à seriedade de Humberto com os compromissos assumidos”, resumiu ela.

Mais de dez mil pessoas, vindas de todas as regiões do estado, lotaram o Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana e ajudaram a fazer uma convenção festiva. De Caxias seguiu uma caravana com cerca de duas mil pessoas.

O presidente do Diretório Municipal do PCdoB em Caxias, vereador licenciado e secretário municipal de Esportes, Lazer e Juventude, Adelmo Soares, integrou a caravana de lideranças caxienses. Na avaliação dele, pela primeira vez na história recente a oposição tem condições reais de vencer a eleição já em primeiro turno. “Estamos unidos e bastante motivados para essa grande jornada que ora iniciamos. Com Flávio, Brandão, Roberto e Humberto, vamos ajudar a construir uma nova história para o nosso povo”, disse ele.

O atual líder da oposição na Assembleia Legislativa, Rubens Jr., teve homologada sua candidatura a deputado federal pelo PCdoB. Aliado de Humberto Coutinho em Matões, onde sua genitora Suely Pereira é a prefeita da cidade, Rubens Jr. não escondeu a felicidade de ver o ex-prefeito de Caxias pronto para a campanha.

“É mesmo gratificante, uma benção de Deus, ver o Humberto prontamente restabelecido do tratamento contra o câncer. Sabemos da força interior dele, mas não podemos deixar de destacar que a corrente de fé feita em torno dele foi fundamental para a recuperação da saúde desse grande líder político do Maranhão.”, enfatizou Rubens Jr.

Nove partidos integram a coligação pró-Flávio Dino e Roberto Rocha (PCdoB, PDT, PSB, PPS, PSDB, PP, PTC, PROS e Solidariedade), além da maioria da militância petista, contrária à aliança com a oligarquia.

 

Fonte: Blog do Ricardo Marques

Oficializada a candidatura de Flávio Dino em convenção do PCdoB

30 jun

A candidatura do ex-presidente da Embratur e ex-magistrado Flávio Dino, 46 anos, ao governo do estado para as eleições de outubro de 2014 foi oficializada na convenção do partido, realizada na manhã deste domingo (29), no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana (Cohafuma), em São Luís. O candidato a vice é o deputado federal Carlos Brandão (PSDB).

Junto com o PCdoB, também estão sendo realizadas as convenções do PDT, PSB e PPS. Os outros cinco partidos que participam da coligação em torno de Flávio Dino também estão presentes à convenção: PSDB, PP, PTC, PROS e Solidariedade.

Para Flávio Dino, a justiça social é uma das priodades de sua atuação. “Acreditamos na força de nosso povo. A expectativa é a melhor possivel porque estamos em um grande movimento popular em todo o Maranhão, levando a bandeira da esperança, com justiça social para todos. Nós acreditamos em um Maranhão diferente. Faremos uma bela campanha, que vai ter a marca da generosidade, solidaderidade e da defesa da justiça para todos, da justiça social”, disse.

A convenção também oficializou a candidatura do vice-prefeito de São Luís, Roberto Rocha, a senador no pleito de outubro deste ano.

 

Fonte: G1

Mulheres do Projeto Maria Fulô são beneficiadas com kits

28 jun

O projeto tem como objetivo melhorar a renda e a qualidade de vida das mulheres da zona rural.

A Prefeitura Municipal de Caxias, através da Secretaria Municipal de Política para as Mulheres – SMPM, entregou no povoado Usina Velha, kits e equipamentos para usuárias do Projeto Maria Fulô.

O projeto, de iniciativa da SMPM, tem como objetivo melhorar a renda e a qualidade de vida das mulheres na zona rural de Caxias por meio de uma estratégia de desenvolvimento territorial sustentável, e fomentar a discussão sobre associativismo e cooperativismo para a implantação de associações e/ou cooperativas de produção e comercialização de horticultura.

Durante o evento, a secretária municipal da Mulher, Liana Coutinho, ressaltou a importância também de trabalhar a questão do incentivo ao empreendedorismo de mulheres na zona rural do município. “É com muita alegria e satisfação que estou aqui, em nome do prefeito Léo Coutinho, entregando estes kits e equipamentos que serão de grande ajuda para as mulheres na realização do trabalho no plantio de verduras e hortaliças. Nós da Secretaria, pensando em como ajudar essas mulheres, pedimos ao prefeito, que prontamente nos atendeu com a doação de kits com roupa e botas e com os equipamentos como facão, enxadas, kit de jardinagem, tesoura de poda e carro de mão”, destacou a secretária.

Além da secretária da Mulher e a equipe técnica da SMPM, também esteve presente o secretário municipal de Agricultura, Manoel Silveira, que salientou a importância do projeto na vida das mulheres da zona rural e comunicou que o Município irá comprar tudo que for produzido, dando assim um incentivo a mais para elas.

 

DSCF8542

 

DSCF8639

 

Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal de Caxias

Roseana Sarney se aponsenta da política

28 jun

São Luis –  A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), confirmou na convenção estadual do partido, realizada nesta sexta-feira, 27, que não vai mais disputar cargos eletivos. A exemplo do pai, o senador José Sarney (PMDB-AP), que anunciou nesta semana que não vai tentar um novo mandato parlamentar, a peemedebista alegou motivos pessoais para se despedir das urnas.

“Agora, nesta convenção eu estou me despedindo não da política, mas das eleições porque eu vou continuar trabalhando pelo Maranhão para que a gente possa cada vez mais eleger bons candidatos pelo nosso Estado”, discursou Roseana. Para disputar um mandato em outubro, a governadora deveria ter deixado o cargo até abril, conforme prazo determinado pela legislação. Na época, Roseana havia afirmado que desistira da disputa para o Senado, cujo mandato é de oito anos, porque iria se dedicar à família. Além de ter mais tempo para as netas, a governadora quer dedicar mais atenção à mãe. O estado de saúde de dona Marly também foi apontado por Sarney como motivo para desistir da candidatura ao Senado.

O anúncio foi feito durante a convenção do do PMDB que homologou a candidatura do senador Edison Lobão Filho ao governo do estado. 

O senador João Alberto (PMDB-MA) ainda disse que sonhava em ver Roseana novamente como candidata ao governo um dia, mas ela negou veementemente que retornaria a disputar eleição. Roseana também tem a saúde frágil por ter passado por quatro cirurgias. Os próprios aliados deram um tom de recomeço na convenção ao grupo político governista com as aposentadorias de Roseana e José Sarney. “Nestes dois dia,s temos uma grande mudança na política brasileira e também aqui no Maranhão. A política do Maranhão se renova com novos nomes para continuar este trabalho. Não novos na idade, mas com outras pessoas, outras ideias”,  afirmou o candidato ao Senado do Clã Sarney, Gastão Vieira (PMDB-MA). Ele chorou ao falar de Sarney durante seu discurso.  

Nascida em junho de 1953, Roseana começou a carreira em 1990 se elegendo a deputada federal. Em 1994 foi eleita governadora do Maranhão e reeleita em 1998. Em 2002, foi eleita Senadora. No mesmo ano foi cotada para a presidência da República, mas uma operação da Polícia Federal na empresa de propriedade do marido, Jorge Murad, encerrou o sonho de concorrer ao palácio do Planalto. 

Em 2008, Roseana perdeu a primeira eleição para Jackson Lago (PDT), que se elegeu governador, mas foi cassado em abril de 2009 por abuso de poder político e econômico. Em 2010, foi reeleita para este que segundo Roseana, é seu último mandato. 

Nos bastidores políticos do Estado, aliados de Roseana diziam que ela ainda pretendia ser eleita prefeita de São Luís, cargo que sempre foi sonho da filha de Sarney. Mas agora, parece de fato, definida a deixar a política.

 

Fonte: Estadão

E o milhão que supostamente veio do dinheiro do Estado e sumiu, como em um passe de mágica?

27 jun

duvidaS

 

Um ex-deputado, residente em Caxias, teria recebido 1 milhão(dinheiro pra caramba) do Governo do Estado(tão bondoso), para produzir o seu arraial e bater de frente com a prefeitura de Caxias.

Porém, além de fazer um arraial meia boca, com atrações que só não conseguem ser tão ruins, pois, por sorte, a prefeitura parece não querer se esforçar e trazer algo melhor (até parece uma disputa de quem faz o pior arraial).

Moral da história, o “milhão” não foi visto por inteiro no tal arraial, então, especula-se que o dinheiro será usado na campanha dos aliados da situação estadual, porém, ninguém viu a cor do dinheiro. O que, com certeza, não deixou ninguém feliz. Mas, rola o comentário que a grana será utilizada sim, porém, na campanha de um deputado federal que possui parentesco com o amigo sortudo da governadora.

E agora, José? O dinheiro vai aparecer em forma de campanha? Os candidatos que deveriam ser “agraciados” pelo milhão, serão deixados a ver navios? Cadê o dinheiro?

 

Flávio Dino teria 58,2% dos votos, se eleições fossem hoje

25 jun

140624-datam-primeiroturno

 

Com vantagem de quase 38 pontos em relação ao segundo colocado, Flávio Dino (PCdoB) seria eleito governador pelo Maranhão – é o que traz a pesquisa do Instituto DataM contratada pelo jornal Atos e Fatos. Se as eleições fossem hoje, o pré-candidato da oposição teria 58,2% dos votos maranhenses, contra 20,7% de Edinho Lobão Filho (PMDB) apoiada pelo grupo Sarney.

Às vésperas das convenções que confirmarão as candidaturas partidárias, a pesquisa DataM/Atos e Fatos avaliou o desempenho de todos os pré-candidatos com candidaturas colocadas até o momento. Em terceiro lugar estaria José Luís Lago (PPL) com 1,5%, seguido de Saulo Arcângeli (PSTU) com 0,9% e Antonio Pedrosa (PSOL) com 0,3%. Brancos e nulos somam 5% e não responderam resultam 13,5% dos entrevistados.

Este é o cenário que dá início às eleições de 2014 no Maranhão, que promete ser polarizada entre Flávio Dino e Edinho Lobão Filho. O primeiro representando o grupo de oposição e o segundo com apoio do grupo Sarney, que hoje ocupa o Palácio dos Leões.

Num eventual segundo turno, em que haveria disputa direta entre os dois, Flávio Dino venceria com 62,9% dos votos contra 21,8% de Edinho Lobão Filho. 10,6% não souberam responder e 4,6% disseram que votariam em branco ou nulo. No cenário vizinho ao início da disputa eleitoral, Flávio Dino mantém a vantagem nas pesquisas que tem sido divulgadas desde 2013.

 

140624-datam-segundoturno

A pesquisa foi realizada em 50 municípios e ouviu 1499 eleitores de todas as regiões do estado entre os dias 18 e 23 de junho. Seu registro está na Justiça Eleitoral com protocolo MA-0015/2014 e BR-00183/2014.

Edinho possui maior rejeição entre candidatos

A pesquisa avaliou ainda a rejeição dos pré-candidatos ao Governo. Perguntados “em quem não votariam de jeito nenhum”, 31,5% dos eleitores responderam rejeitar a candidatura de Edinho Lobão, seguida de rejeição de Antonio Pedrosa que apresentou 13,8% neste quesito, Saulo Arcangeli com 9,4%, Zé Luís Lago com 9% de rejeição e, por último, Flávio Dino, com 8,6%.

Nessa questão, 2,6% disseram que votaria em todos, 4,1% responderam branco ou nulo e não sabem/não responderam somou 20,8% dos entrevistados.

Fonte: Blog Marrapá

Estado se omite sobre o assassinato de escrivã Loane em Caxias

25 jun

O caso que ganhou repercussão nacional, a assassinato da policial e escrivã, Loane Maranhão da Silva Thé, dentro da Delegacia da Mulher de Caxias no dia 15 de maio, parece não estar recebendo o devido cuidado.

As apurações por parte do Estado, através da Secretaria de Segurança, estão à passos lentos e a responsabilidade pela investigação sobre a falha na conduta de servidores dentro da Delegacia da Mulher foi garantida pelo Secretário de Segurança do Estado, Dr. Marco Afonso Júnior e o Superintendente de Polícia Civil do interior do Maranhão, Dr. Jair Lima de Paiva. Porém, questiona-se o fato de que a vítima, assassinada a facadas, ao tomar depoimento de um suspeito de estuprar as filhas e agredir a esposa, não deveria estar realizando tal procedimento, uma vez que esta seria tarefa exclusiva do delegado da cidade.

Outro detalhe, é que, além de estar desempenhando uma atividade que não lhe competia, a escrivã estaria sozinha na Delegacia, sem a presença de agentes que lhe garantiriam as mínimas condições de segurança. Ora, se mesmo dentro das delegacias, os próprios policiais correm riscos, então admite-se que estes não tem as mínimas condições para desempenharem a sua função.

A apuração administrativa deste crime bárbaro deve ser acelerada pelo Estado a fim de esclarecer todas as falhas ocorridas no dia do crime.

 

Fonte: Blog do Luís Cardoso

Inaugurada a primeira pista de Motocross em Caxias

24 jun

Em conversa o blog o verador Mário Assunção informou que ao visitar a Veneza, teve a ideia da construção de uma pista de motocross naquele local. Um esporte que vem sendo bem difundido pela região, devido as áreas propícias para sua prática, e com bastante adeptos em Caxias.

A ideia foi trabalhada e agora a pista se tornou uma realidade. A obra realizada pelo vereador foi também um pedido dos praticantes de motocross da cidade e região dos cocais.

Os praticantes se dizem satisfeitos, pois agora, poderão praticar para campeonatos regionais e nacionais aqui em Caxias. 

Mário Assunção deixou seus agradecimentos aos apoiadores: Ironaldo Alencar, Alfredo do Sabiá da Sorte, Raimundo Pila e ao prefeito Leonardo Coutinho.

Em Setembro acontecerá o primeiro campeonato de motocross de Caxias. Que promete movimentar e ampliar a prática do esporte na cidade.

Uma ótima ideia a do vereador Mário Assunção, pois, a área do Balneário Veneza que é bem ampla, pode e deve ser utilizada para práticas de esportes e eventos na cidade. Isso valoriza nosso ponto turístico e atrai mais investimento para a cidade. Parabéns pela iniciativa e que traga mais ideias e projetos para Caxias. Fica também o desejo que os outros vereadores também procurem investir na mais na cidade.

 

m2

 

m1

m

Presa dupla de assaltantes que assaltou lan house em Caxias

23 jun

Foto: Sinal Verde Caxias

Foto: Sinal Verde Caxias

 

Por volta de 15h30 da última sexta-feira (20), o Serviço de Inteligência do 2º BPM, juntamente com a Força Tática e a viatura 040 efetuaram a prisão de dois suspeitos de praticarem assalto a uma lan house localizada na Av. Nereu Bittencourt, no centro da cidade de Caxias.

De acordo com informações do 2º BPM, um dos conduzidos, identificado como Moisés de Sousa Cabral, de 20 anos, foi logo reconhecido pela vítima. Por ele já ter várias passagens pela polícia pela prática de assalto, dentre outros delitos, os policiais deslocaram até sua residência localizada no bairro Bela Vista.

Chegando ao local Moisés estava em companhia de outro suspeito, identificado como, Hannik Silva, vulgo Nano, de 22 anos.

No interior da residência foi encontrada uma arma de fogo de fabricação artesanal, quatro trouxas de maconha e uma quantia de R$ 32,00 no congelador de uma geladeira, valor subtraído no assalto. Além disso, a camisa que Moisés usou no assalto também foi encontrada.

Os dois suspeitos foram apresentados no 1º Distrito Policial juntamente com o material apreendido para que fossem tomadas as providências legais cabíveis.

Fonte: João Lopes/ Sinal Verde Caxias