Archive | março, 2015

Flávio Dino anuncia retirada de nomes de generais-ditadores de escolas no Maranhão

30 mar

O Governador Flávio Dino anunciou que nesta terça (31), data de aniversário do Golpe de 1964, irá retirar todos os nomes de escolas alusivos aos generais-ditadores.

O Golpe:

Na madrugada do dia 31 de março de 1964, um golpe militar foi deflagrado contra o governo legalmente constituído de João Goulart. O então presidente do Senado, Auro de Moura Andrade, declarou vaga a presidência da República, com o presidente Jango exilado no Uruguai. O presidente da Câmara dos Deputados, Ranieri Mazzilli, assumiu interinamente a presidência, conforme previsto na Constituição de 1946, e como já ocorrera em 1961, após a renúncia de Jânio Quadros. O poder real, no entanto, encontrava-se em mãos militares. No dia 2 de abril, foi organizado o autodenominado “Comando Supremo da Revolução”, composto por três membros: o brigadeiro Francisco de Assis Correia de Melo (Aeronáutica), o vice-almirante Augusto Rademaker (Marinha) e o general Artur da Costa e Silva, representante do Exército e homem-forte do triunvirato. Essa junta permaneceria no poder por duas semanas …

Saiba mais sobre o que foi o golpe militar em:

 

http://cpdoc.fgv.br/producao/dossies/FatosImagens/Golpe1964

 

fd

 

O Governador informou que os golpistas não merecem homenagens e enfatizou: “Ditadura nunca mais!”

Abertas inscrições para Prêmio Fundação Banco do Brasil

30 mar

Estão abertas até 31 de maio as inscrições para o 8º Prêmio Fundação Banco do Brasil (FBB) de Tecnologia Social. Podem participar instituições sem fins lucrativos, legalmente constituídas no País, como cooperativas, organizações não governamentais (ONGs), prefeituras, associações, fundações, institutos de pesquisa e universidades.

O prêmio tem o objetivo de certificar e difundir tecnologias sociais já aplicadas e ainda em atividade, em âmbito regional ou nacional, que se constituam em efetivas soluções para questões relativas à água, alimentação, educação, energia, geração de renda, habitação, meio ambiente e saúde.

Nesta edição, serão aceitas inscrições para seis categorias. A novidade será a premiação para Tecnologias Sociais para o Meio Urbano. As outras cinco categorias serão: Comunidades Tradicionais, Agricultores Familiares e Assentados da Reforma Agrária; Juventude; Mulheres; Gestores Públicos; Universidades e Instituições de Ensino e Pesquisa.

Serão distribuídos R$ 600 mil em prêmios, sendo R$ 50 mil para as iniciativas vencedoras em cada uma das seis categorias e mais R$ 25 mil para cada uma das outras duas finalistas de cada categoria.

Os projetos inscritos passam por fases de certificação, seleção das finalistas, julgamento das vencedoras e premiação. Em sete edições realizadas, de 2001 a 2013, foram concedidos mais de R$ 3 milhões ao aprimoramento das tecnologias sociais vencedoras.

 

Fonte: G1 MA

Estado aguliza liberação de R$ 1,17 mi para pequenos agricultores

30 mar

Cerca de mil famílias que estavam com seus projetos de agricultura parados por falta de recursos foram beneficiadas com a liberação de R$ 1,17 milhão do governo federal. O crédito foi possível a partir de determinação do governador Flávio Dino para que a Unidade Técnica Estadual do Crédito Fundiário (UTE) no Maranhão agilizasse o atendimento a pequenos produtores de várias regiões do estado.

 

 

A UTE faz parte da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SAF) e está atuando nos municípios maranhenses, de forma regionalizada, com a meta de promover a liberação de recursos na ordem de R$ 26 milhões, destinados a mais de 70 municípios, mas que foram bloqueados porque os beneficiários não receberam a assistência necessária para ter acesso ao crédito, problema gerado pela administração estadual passada.

No município de Buriti, por exemplo, a 330 km de São Luís, o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares, se reuniu com os trabalhadores rurais e deu a boa notícia da liberação de mais de R$ 300 mil, resultado da ação dos técnicos da UTE. Os recursos beneficiarão agricultores de assentamentos rurais das comunidades Exu, Ramalho, Bananal, Ponto Alto e Santa Fé.

“O governador Flávio Dino tem compromisso com todos os municípios do Maranhão, por isso estamos trabalhando para melhorar a qualidade de vida do homem do campo, em todo o estado, e ouvindo os trabalhadores e as entidades dos movimentos sociais”, ressaltou Adelmo Soares, depois de ouvir os relatos dos agricultores de Buriti e de lideranças locais sobre as dificuldades enfrentadas no dia a dia do meio rural.

 

 

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Buriti, Antônio Flora, disse que os trabalhadores e o governo do Estado estão de braços dados por um Maranhão melhor. “Nossa maior carência é de assistência técnica e de recursos para desenvolver a agricultura, mas agora estamos confiantes”, disse o sindicalista ressaltando a importância da liberação dos recursos e da presença do Estado no município.

Os investimentos fazem parte do Subprojeto de Investimentos Comunitários (SIC), mais uma linha do Programa Nacional de Crédito Fundiário e Combate à Pobreza Rural, disponível para agricultores assentados, que precisam investir em suas terras.

Para ter direito aos recursos é necessário que os agricultores sejam associados ou cooperados, em entidades rurais, que são as responsáveis pela gestão do crédito. A liberação é feita pelo governo federal, por meio do Banco do Nordeste, mediante cadastro dos beneficiários e contrapartida do Estado, que é a garantia da Assistência Técnica Rural (Ater).

Além de Buriti, dentre os municípios que já têm recursos liberados estão Chapadinha, Vargem Grande, São Benedito do Rio Preto, Nina Rodrigues, São Francisco do Maranhão e Mata Roma. O mutirão coordenado pela SAF prossegue no atendimento aos municípios de Presidente Dutra, Caxias, Codó, Barra do Corda, Tuntum e da Baixada Maranhense. Os municípios serão atendidos até o final de junho deste ano, prazo para receber os recursos do SIC.

 

Secretaria de Agricultura Familiar

Caxiense Larisse Nascimento é uma das dez mulheres mais promissoras no esporte

30 mar

 

Natural de Caxias, a atleta Larisse Nascimento de Sousa, 23 anos, coleciona prêmios individuais no atletismo, com conquistas de provas realizadas em diversas cidades do país.

Em janeiro desse ano, ela conquistou pela terceira vez consecutiva o Troféu Mirante Esporte e ainda foi eleita a melhor atleta maranhense em 2014. Para orgulho caxiense, Larisse foi considerada recentemente pelo Portal da Amazônia uma das dez mulheres mais promissoras no esporte.

Disciplinada e determinada, Larisse não mede esforços para alcançar os seus objetivos. Um dos últimos feitos da atleta aconteceu no domingo (23) em Juazeiro do Norte-CE, onde conquistou o bicampeonato na Corrida Padre Cícero. “Estou muito feliz. Só tenho agradecer a Deus, meu treinador Vando Cesar, minha família e ao ‘padim’ Padre Cicero pela segunda vitória na competição”, disse a atleta.

O principal apoio que Larisse recebe para participação nestes e em outros eventos locais, estaduais e nacionais vem da Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria Municipal de Esporte, Lazer e Juventude.

 

 

Resultados obtidos de janeiro a março de 2015

 

Janeiro

Dia 20/01/15

1º lugar na 26ª edição da Corrida de São Sebastião – Codó (MA)

Percurso: 8 km

 

Dia 25/01/15

1º lugar na Maratona de Belém – Belém (PA)

Percurso: 9 km

 

Fevereiro

Dia 11/02/15

1º lugar na Corrida Aniversário da Cidade de Aldeias Altas – Aldeias Altas (MA)

Percurso: 6 km

                                                                                                 

Março

Dia 15/03/05

XVI Corrida São Jose – Juazeiro do Norte (CE)

Percurso: 10km

 

22/03/15

1º lugar na Corrida Padre Cícero – Juazeiro do Norte (CE)

 

Percurso: 15 km

 

Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal de Caxias

Entram em vigor as novas tarifas de ônibus em São Luís

30 mar

As novas tarifas de ônibus entraram em vigor a partir da 0h deste domingo (29) em São Luís. O valor da tarifa cobrada na maioria dos coletivos subirá de R$ 2,40 para R$ 2,80, enquanto as mais baratas passarão de R$ 1,90 para R$ 2,20 e R$ 1,60 para R$ 1,90. O anúncio foi feito em entrevista coletiva realizada na tarde da última sexta-feira (27), na sede da SMTT, na Avenida Daniel de La Touche, na capital maranhense.

Na ocasião, o secretário municipal de Trânsito e Transportes de São Luís (SMTT) Canindé Barros anunciou o aumento de 16% nas tarifas de ônibus, e justificou o reajuste devido, principalmente, a alta do combustível. “Os 16% são para fazer cobertura do aumento do combustível, manutenção dos ônibus, mão-de-obra e justamente para que não houvesse paralisação. Houve aumento em todo o Brasil e, ainda assim, a menor tarifa média ainda é de São Luís”.

O aumento acumulado nos últimos nove meses é de 39 por cento. O último aumento no preço das tarifas de ônibus havia sido anunciado em junho de 2014, após 16 dias de greve dos rodoviários. Na ocasião, o reajuste foi de 23% (R$ 0,30) em todas as tarifas. Foi extinta a “domingueira”, desconto de 50% aos domingos, e ficou acordada a compra de 250 ônibus novos. Até o momento, 221 veículos já teriam sido entregues, segundo a prefeitura.

Após o anúncio, órgãos de defesa do consumidor se pronunciaram. Como foi o caso do Ministério Público do Maranhão (MP-MA), que por meio da promotora de Justiça e Defesa do Consumidor, Lítia Cavalcanti anunciou que entrará com uma nova Ação Civil Pública (ACP) contra a Prefeitura de São Luís, em virtude do aumento de 16% nas tarifas de ônibus.

Segundo a promotora o aumento é considerado abusivo, pois até o momento a Prefeitura não cumpriu as cláusulas impostas no Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), assinado em julho do ano passado. Além disso, ela afirma que os novos valores não são justificados, pois a qualidade dos serviços do transporte público são considerados sem qualidade. “O transporte é visivelmente caótico, precário em termos de qualidade, em termos de quantidade e um aumento absurdo como esse não é justificável”.

Além do Ministério Público, o Programa Estadual de Proteção do Consumidor no Maranhão (Procon-MA), representado pelo diretor Duarte Jr., também anunciou que irá notificar na manhã desta segunda-feira (30) a SMTT e as empresas de ônibus que atuam na capital. De acordo com o diretor, a notificação tem por finalidade exigir justificativas que apoiem o aumento nas tarifas dos coletivos. “Nosso objetivo é garantir um serviço público de qualidade ao consumidor maranhense e coibir cobranças injustificadas, ou seja, abusivas”, explicou.

Surpresa

O aumento na tarifa das passagens de ônibus em São Luís acabou pegando alguns usuários de surpresa neste domingo. Como foi o caso do catador de carangueijo Amarildo Assunção, que não sabia do reajuste na cidade. Ele que é morador do município da Raposa, a 30 km de São Luís, afirma que só descobriu sobre a alteração no valor quando entrou no coletivo. “Eu não sabia de nada. Pegou todo mundo de surpresa”.

Para o catador, o aumento das passagens irá modificar toda o orçamento financeiro da família, principalmente para as suas duas filhas, que não ganham o suficiente para pagar o custo das passagens. “vai ficar complicado para as minhas duas filhas, pois elas ganham muito pouco e o preço está muito alto”, desabafa.

 

Fonte: G1 MA

Neto Corretor é alvejado a tiros em sua residência

30 mar

Neto Corretor

 

Segundo informações repassadas para o titular do blog, acabou de acontecer uma tentativa de homicído ao ex-candidato Neto Corretor.

Homens invadiram sua casa e atiraram contra a vítima. Não temos confirmações se Neto veio à óbito.

 

Atualizado 23:04

 

Segundo informações repassadas agora pouco, Neto foi alvejado com 6 tiros, eram 3 pessoas envolvidas no homicídio, 2 estão no HGM e 1 conseguiu fugir.

 

Atualizado 23:36

 

Neto foi abordado por dois homens em uma moto, enquanto saia da igreja com sua mãe. Entrou em casa e os bandidos arrombaram o portão de sua residência e deram 6 tiros, um dos bandidos foi baleado e está no HGM.

 

Mais informações a seguir.

 

 

Secretário de Agricultura Familiar do Estado mostra seus projetos e planos futuros para a pasta

29 mar

Em uma semana bem produtiva, o Secretário de Agricultura Familiar Adelmo Soares, como sempre, trabalhando bastante.

O Secretário visitou o Projeto de Cultivo de ostras, que se encontra na cidade de Paço do Lumiar.

Adelmo foi recebido pela secretária Rosany Aranha e estudantes. Também conheceu uma casa que serve de base para um projeto 100% sustentável, com placas de energia solar.

O Secretário também se reuniu com representantes do PNCF (Programa Nacional de Crédito Fundiário), que consiste em um programa que oferece condições para que os trabalhadores rurais sem terra ou com pouca terra possam comprar um imóvel rural por meio de um financiamento. O recurso ainda é usado na estruturação da infra-estrutura necessária para a produção e assistência técnica e extensão rural. Além da terra, o agricultor pode construir sua casa, preparar o solo, comprar implementos, ter acompanhamento técnico e o que mais for necessário para se desenvolver de forma independente e autônoma. O financiamento pode tanto ser individual quanto coletivo.

Com o PNCF é composto de um conjunto de ações que promovem o acesso à terra e aos investimentos básicos e produtivos, que permitem estruturar os imóveis rurais. O Programa apoia-se nos princípios da participação, controle social, transparência e descentralização.

Na reunião estavam presentes membros da MDA/SRA (Ministério do Desenvolvimento Agrário/Secretaria de Reordenamento Agrário), na estava presente o ex-vereador de Caxias Joãozinho.

Reunião com PNCF e MDA/SRA. presença de Chicão e Joãozinho ex-vereador de Caxias

 

Dando continuidade aos trabalhos da semana, houve ainda uma reunião com o Prefeito de São Domingos Cléber Tratorzão. Adelmo demonstrou interesse em conhecer melhor os projetos de Fruticultura de São Domingos. Já que está prevista para acontecer em 2016 o Congresso Brasileiro de Fruticultura, que será realizado no Maranhão.

 

Reunião com o Prefeito Tratorzão de São Domingos

 

O Secretário ainda conseguiu tempo para dar uma entrevista na Rádio Educadora, onde fez um balanço dos seus primeiros meses à frente da pasta na SAF, falou sobre os projetos e planos futuros.

 

 

Entrevista na Rádio Educadora

Adelmo Soares vem mostrando que não vivia na correria apenas quando estava à frente da SEMELJ Caxias, sempre preocupado em mostrar um trabalho de qualidade, o secretário se mostra sempre disposto a buscar melhores projetos e fazer uma boa representação, independente da área que esteja atuando.

Com um bom trabalho desses, Adelmo não está fazendo feio, espero que outros representantes de Caxias que foram nomeados no pelo Governador Flávio Dino, tenham a mesma preocupação com a população e deem o seu melhor nas suas funções.

Suspeito de homicídio é preso com moto roubada

27 mar

Por volta de 21h30 desta quinta-feira (26) a Central de Operações do 2° BPM recebe informações de que próximo ao Posto Veneza, bairro Volta Redonda, havia um indivíduo oferecendo uma motocicleta Yamaha Factor preta, a um custo que variava de 300 a 800 Reais.

Diante da suspeita a equipe de Policiamento de Motociclistas do 2° BPM se deslocou para averiguar, mas ao se aproximarem o indivíduo empreendeu fuga na Factor. Ele foi perseguido pelos PMs e interceptado próximo à Cavepel.

O indivíduo foi identificado como SAMUEL LIMA E SILVA, 27 anos, natural de Ribamar Fiquene e residente em Imperatriz. Ao ser preso ele  confessou que havia roubado a moto em Barra do Corda. Samuel foi apresentado no 1DP com o veículo roubado.

De acordo com levantamentos feitos pela Inteligência do 2° BPM Samuel responde a uma tentativa de homicídio contra o seu próprio avô, fato ocorrido em 2013 em Ribamar Fiquene/MA.

 

 

 

 

 

Com informações do 2º BPM

Economia brasileira cresce 0,1% em 2014

27 mar

A economia brasileira cresceu 0,1% em 2014, segundo informou nesta sexta-feira (27) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em valores correntes (em reais), a soma das riquezas produzidas no ano passado chegou a R$ 5,52 trilhões e o PIB per capita (por pessoa), a R$ 27.229.

Esse é o pior resultado desde 2009, ano da crise internacional, quando a economia recuou 0,2%.

Em 2013, de acordo com dados revisados, a economia havia crescido 2,7%. Em relação ao terceiro trimestre, o PIB do quarto trimestre de 2014 avançou 0,3%.

A chamada “estabilidade” da economia no ano passado teve influência da agropecuária, que cresceu 0,4% e do setor de serviços, que expandiu 0,7%. O resultado não foi maior porque também teve reflexos do desempenho da indústria, que recuou 1,2%. Os investimentos, indicados pela formação bruta de capital fixo, recuaram 4,4% e a despesa de consumo das famílias cresceu 0,9%.

Em relação ao terceiro trimestre, o resultado foi puxado pela agropecuária, que cresceu 1,8% e pelo setor de serviços, que teve expansão de 0,3%. Por outro lado, a indústria mostrou leve queda de 0,1%.

A previsão mais recente do Banco Central era de que o PIB tivesse recuado 0,1%, próxima à do Índice de Atividade Econômica (IBC-Br), chamado de “prévia do PIB”, que estimava uma contração de 0,15% no ano passado. Já a expectativa dos analistas do mercado financeiro era positiva, porque indicava uma alta de 0,15%, segundo o boletim Focus, do Banco Central.

Novo cálculo
O cálculo que mede as riquezas do país ficou diferente a partir deste ano. A nova metodologiaincluiu dados que não existiam, deslocou informações e mudou a classificação de alguns itens, deixando a medição mais precisa. Novos dados foram incorporados a partir de 2010, gerando uma revisão de toda a série, até 1995.

O novo cálculo do PIB foi aperfeiçoado para seguir padrões internacionais recomendados por órgãos como a ONU, OCDE e Banco Mundial e que devem ser adotados pelos países até 2016. A mudança serve para garantir uma comparação e calibragem mais apurada entre as economias. A última mudança na metodologia havia ocorrido em 2007.

 

Fonte: G1

Polícia Civil desbatara quadrilhas e aborta assaltos a banco no interior

26 mar

Foto: Nilson Figueiredo

 

Em um brilhante trabalho realizado pela Superintendência de Investigação Criminal – SEIC, a Polícia Civil do Maranhão conseguiu desbaratar duas quadrilhas especializadas em assalto a banco e roubo a carga, respectivamente.

 Em Chapadinha, sob o comando do delegado Thiago Bardal, o Departamento de Combate de Roubo a Banco da SEIC conseguiu prender três bandidos e, assim, evitar três assaltos na modalidade “sapatinho”, pratica em que os bandidos sequestram familiares do gerente ou tesoureiro, forçando-os a abrir o cofre e entregar vultosas soma em dinheiro.

Foi preso o alagoano Valdemir Laurindo Flores, conhecido como “Baleado”, 39 anos, o goiano Vanderluz Gomes da Silva, 34 anos, foragido do sistema penitenciário maranhense, e Jonas Gomes da Silva, 34 anos, natural de Chapadinha.

 De acordo com o delegado Bardal, o trio estava sendo monitorado desde janeiro quando assaltou R$ 400 mil reais na agência do Banco da Amazônia, em Vitória do Meariam. Na oportunidade, “Baleado” e Vanderluz foram reconhecidos depois da análise das imagens do circuito interno de TV. 

“Estávamos monitorando esses dois elementos, suspeitos de assaltos no Maranhão, Piauí e Tocantins. Eles foram surpreendidos na tarde de sábado na rodoviária de Chapadinha tramando os detalhes da ação criminosa que seria realizada na quarta-feira(25), no Banco Bradesco. Eles iriam sequestrar o gerente do banco”, informou o delegado.

Ainda segunda Bardal, após logra êxito nessa empreitada criminosa, em depoimento, o trio confessou que, usando o mesmo modus operandi, iria assaltar, em seguida, o Banco do Brasil em Vitorino Freire.

Em entrevista, apenas “Baleado” confessou envolvimento no assalto ao Basa, afirmando que os outros dois presos não tiveram qualquer participação. Já Jonas responde por assalto realizado na cidade de Barra do Corda. Valderluz, em entrevista, confessou participação ao assalto a agência do Bradesco, no Maiobão.

Em poder do trio foi apreendida uma pistola 9mm e um revólver calibre 38. Eles foram autuados por associação criminosa e porte de arma de uso restrito. O veículo Celta que estava sendo conduzido por Jonas também foi apreendido.

O segundo trabalho realizado pela SEIC, mas desta vez pelo Departamento de Combate a Roubo de Carga, sob a batuta do delegado Lúcio Reis resultou no desbaratamento de uma quadrilha especializada no roubo de carga de cigarro com atuação em todo Norte/Nordeste.

Dias e dias de campana e monitoramento resultaram na prisão do paraense Geraldo Leonardo Viana, conhecido como “Geraldin”, 40 anos, apontado como líder do bando, os irmãos maranhense Bernardo Alves de Sousa Júnior, 32, e Guterg Delfino de Sousa, 39, além do goiano João Paulo Mendonca Sanches, 27, e dos tocantinenses Clovis Pereira Fraga e Antônio Elton Alves da Conceição, o “Hugo”, 31.

Ao bando é atribuído dois grandes assaltos à carga de cigarro da empresa Sousa Cruz nas cidades de Redenção, no Pará e Carolina, no Maranhão, nos últimos meses, avaliadas em R$ 800 mil reais, cada uma. “O nosso maior objetivo é descapitalizar essas grandes operações criminosas”, pontuou o delegado geral da Polícia Civil – Delegado Augusto Barros. 

 Como já era de se esperar, em entrevista, os acusados negaram envolvimento nas ações criminosas, alegando, inclusive, não se conheceram. O trabalho que culminou com a ação do bando foi feito em conjunto com a Polícia Civil do Tocantins e durou aproximadamente seis meses.

Uma pistola 765 foi apreendida em poder dos acusados. Embora prisão tenha ocorrido no Tocantins, o grupo foi recambiado para o Maranhão, a fim de responder pelo assalto ocorrido em Carolina. Todos estão custodiados no Centro de Detenção Provisória, em Pedrinhas.

 

ASCOM – SSP/MA via Falando Sério Bacabal