Archive | dezembro, 2015

Anvisa aprova registro da primeira vacina contra a dengue no Brasil

28 dez

Saiu hoje (28) a aprovação do registro da primeira vacina contra a dengue no Brasil: a Dengvaxia, da francesa Sanofi Pasteur. Embora liberada para comercialização pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), ainda falta a Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos definir o valor de cada dose, processo que dura em média três meses, mas não tem prazo máximo.

Leia mais:

‘Verão do Aedes’ ameaça saúde pública, alertam especialistas

Inicialmente, o medicamento será disponibilizado para a rede particular de laboratórios. Definido o preço, a Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS vai avaliar se vale a pena incorporar o produto ao sistema público de imunizações. O governo vai avaliar custo, efetividade e impactos epidemiológico e orçamentário da incoporação da vacina ao Sistema Único de Saúde.

A vacina é indicada para pessoas entre 9 e 45 anos e protege contra os quatro tipos do vírus da dengue. A promessa do fabricante é de proteção de 93% contra casos graves da doença, redução de 80% das internações e eficácia global de 66% contra todos os tipos do vírus. O medicamento deve começar a ser vendido no país no primeiro semestre de 2016 e a capacidade de produção do laboratório é de 100 milhões de doses por ano.

O imunizante deve ser aplicado em três doses, com intervalos de seis meses, porém, de acordo com a diretora médica da Sanofi, Sheila Homsani, a partir da primeira dose o produto protege quase 70% das pessoas. “A vacina tem eficácia a partir da primeira dose, protegendo em torno de 70% dos imunizados. A necessidade das outras doses vem porque a proteção vai caindo com o tempo, não se mantém sem as outras duas. A proteção só se mantém por muitos anos quando se tomam as três doses”, explicou Sheila.

No começo deste mês, o México foi o primeiro país a registrar a vacina contra a dengue da Sanofi, por enquanto, a única registrada no mundo. Em seguida o produto teve liberação nas Filipinas. O Brasil é o terceiro país a ter o registro do imunizante. O desenvolvimento clínico do produto envolveu mais de 20 estudos, e mais de 40 mil participantes, entre crianças, adolescentes e adultos, em 15 países.

Dados do Ministério da Saúde mostram que até a primeira semana de dezembro, 839 pessoas morreram em decorrência da dengue, um aumento de 80% em relação a 2014.

 

Fonte: Agência Brasil

‘Sisteminhas’ revolucionam a agricultura familiar no Maranhão

23 dez

Uma das ações eficazes do governador Flávio Dino, na área da produção, foi a implantação dos ‘Sisteminhas’ que já apresentam resultados satisfatórios e mudam a vida de pequenos produtores rurais, que se ressentiam da falta de incentivos para que pudessem tirar seu sustento do trabalho na agricultura.

Trata-se de um modelo agrícola sustentável que aproveita os materiais disponíveis nas regiões de implantação. Estão sendo implantados nos 30 municípios com menor IDH do Maranhão, graças à parceria entre a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e o Governo do Maranhão.

O objetivo dos ‘Sisteminhas’ é combater a fome e incentivar a geração de renda a partir da produção local dessas comunidades. Noventa técnicos foram capacitados pelo governo Flávio Dino e iniciaram a imersão nessas comunidades para orientar, acompanhar e apoiar de forma contínua cada grupo familiar na implantação e desenvolvimento dos projetos definidos para a Agricultura Familiar.

 

Maternidade Carmosina Coutinho realiza nova operação aérea para salvar vida de recém-nascido

23 dez

Mais uma mega operação aérea foi realizada pela Maternidade Carmosina Coutinho no último sábado (19), em parceria com o Governo do Estado, Samu e Grupo Tático Aéreo da Policia Militar do Maranhão (GTA) para salvar a vida de um recém-nascido de nove dias.

O recém-nascido foi transferido de helicóptero do GTA para o Hospital Estadual Giuvêncio Mattos, em São Luís, único local  que poderia atendê-lo.

Como foi um caso de alta-complexidade com hemorragia interna e sintomas de cardiopatia, a equipe da Maternidade deixou o quadro do bebê estável e realizou todos os procedimentos necessários para o translado.

“Era um bebê prematuro com um distúrbio hemorrágico grave, além de alterações cardíacas e no trato digestivo, que necessitava de uma assistência mais avançada. Foram realizados exames laboratoriais em nossa rede, onde a equipe de neonatologistas solicitou o encaminhamento urgente para um centro de maior referencia”, disse a coordenadora de enfermagem da UTI Neo da Maternidade, Rosa Maria.

 

 

A família do recém-nascido mora na cidade de Buriti Bravo, no povoado Anda Sol. Graças ao apoio da Maternidade, a mãe Raimunda Ferreira conseguiu ir para a cidade de São Luís para acompanhar o tratamento.
 Saiba mais

 

Esta é a segunda vez que a Maternidade realiza esse tipo de operação visando salvar a vida de um recém-nascido. Em setembro, a equipe também transferiu um bebê para São Luís para tratamento.

 

Mais investimentos

 

A Maternidade Carmosina Coutinho não tem medido esforços para desempenhar um ótimo trabalho para as mães e seus bebês. Recentemente, o órgão recebeu novos aparelhos e também contratou novos pediatras, obstetras, enfermeiros e técnicos em enfermagem.

A Maternidade também foi contemplada com o projeto do Ministério da Saúde de reestruturação de hospitais públicos, onde os colaboradores estarão sendo qualificados constantemente. 

“A transferência do bebê foi uma vitória para toda a equipe da Maternidade. Já é a segunda vez que conseguimos realizar esse tipo de transferência. Estamos investindo não só em nossa estrutura física, como também em nova aparelhagem e contratando mais colaboradores para um melhor desempenho nos processos”, disse a diretora Juliana Linhares Coelho.

 

Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal de Caxias

Cunha diz que parecer favorável a contas do governo não muda impeachment

23 dez

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), disse hoje (23) que o parecer favorável do senador Acir Gurgacz (PDT-RO) à aprovação das contas do governo federal em 2014 não muda seu entendimento sobre o processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff. Segundo Cunha, o processo está baseado em decretos editados em 2015, que estariam em descordo com a lei orçamentária.

Ontem (22), Gurgacz, que é relator das contas do governo referentes a 2014 na Comissão Mista de Orçamento (CMO) do Congresso Nacional, defendeu a aprovação das contas com ressalvas. O entendimento de Gurgacz difere da posição adotada pelo Tribunal de Contas da União (TCU), que recomendou ao Congresso Nacional a rejeição das contas.

Cunha afirmou que, em sua decisão individual que deflagrou o processo de impeachment, não levou em conta o parecer do TCU sobre as contas de 2014, porque a manifestação precisa ser referendada pelo plenário do Congresso, em sessão conjunta da Câmara e do Senado.

“Nunca usei como argumentação que o Tribunal de Contas seria a base da aceitação. O que foi aceito trata-se exclusivamente da parte de 2015, embora falasse de 2014, e falasse de vários temas, e especificamente sobre os decretos feitos em desacordo com a lei orçamentaria. Está muito claro”, disse Cunha.

Segundo o relator das contas na Comissão de Orçamento, os argumentos apresentados pelo TCU para rejeição das contas “não são relevantes o suficiente para levar à rejeição”. O parecer de Gurgacz deverá ser votado pela comissão até o dia 6 de março do ano que vem.

Deputados e senadores têm até 13 de fevereiro para a apresentação de emendas ao relatório e ao projeto de decreto legislativo que recomenda ao Congresso a aprovação das contas da presidenta do ano passado.

 

Fonte: Agência Brasil

Ex deputado Paulo Marinho, é preso em Caxias

22 dez

O ex deputado Paulo Marinho, foi preso pela Polícia Civil e conduzido até a delegacia Reginonal de Caxias.

Segundo informações, Paulo Marinho foi perseguido pelo centro da cidade, chegando a bater em um muro e sendo abordado pelos agentes da polícia civil. Ele não teria parado o carro, por medo de ser assalto, já que os agentes não estavam caracterizados.

O Ex deputado, está prestando depoimento e só deve ser liberado após ordem judicial.

Divulgado gabarito de provas do concurso para professor do Estado

21 dez

A Fundação Sousândrade divulgou hoje (21) um gabarito preliminar das provas do concurso para professor do Estado do Maranhão.
 
Os dados estão disponíveis no site da entidade organizadora do certame e pode ser acessados aqui.
 
No total, cerca de 75 mil pessoas se inscreveram para o concurso, mas 18 mil (que concorrem para vagas de professor de Educação Física, de Matemática e de Química) terão que refazer as provas (reveja).
Fonte: Blog do Irmão Inaldo

Governo do Estado discute na Conferência Territorial estratégias para fortalecimento da assistência técnica

21 dez

 

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura Familiar (SAF), realizou este ano, sete Conferências Territoriais de Assistência Técnica e Extensão Rural (CTATER). As Conferências têm como objetivo definir estratégias e ações prioritárias para promover a universalização da Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) de qualidade aos produtores do Maranhão, por meio do diálogo e interação entre sociedade civil, poder público e representações de agricultores familiares.

Foram realizadas Conferências nos territórios Cerrado Amazônico, Cocais, Lençóis Munim, Vale do Mearim, Baixada Ocidental, Vale do Itapecuru e Cerrado Sul. As discussões foram baseadas em três eixos principais, “Sistema nacional de Ater”, “Ater e políticas públicas para a agricultura familiar” e “Formação e construção do conhecimento na Ater” que foram definidos pelo MDA.

No encerramento da última Conferência do ano, realizada nesta sexta-feira, 18, no território Cerrado Sul, no município de Balsas, o secretário da SAF, Adelmo Soares, destacou a importância das Conferências para discutir a construção e fortalecimento da assistência técnica no Maranhão.

“Após essas Conferências Territoriais vamos realizar a Estadual, que será um importante momento para avaliar a perspectiva, receber sugestões e corrigir os erros para que tenhamos uma Ater mais efetiva e forte na administração do governador Flávio Dino,” disse o secretário.

A realização das Conferências Territoriais é pré-requisito para a Conferência Estadual que acontecerá em abril de 2016 e esta, é requisito para a 2ª Conferência Nacional de Ater (CNATER). A CNATER está prevista para ocorrer entre 31 de maio e 3 de junho de 2016 e é uma realização do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) sob a coordenação do Conselho Nacional de Desenvolvimento Rural Sustentável (Condraf).

“A conferência é um espaço de congregação de diversas forças, uma oportunidade para que os atores do processo de desenvolvimento rural dialoguem sobre os rumos de uma nova Ater no Maranhão, por meio da disponibilização de diferentes políticas públicas para os agricultores familiares, como inclusão social, alimentação saudável de forma sustentável e renda para famílias do campo”, dissePresidente da Agerp, Fortunato Macedo.

Para o coordenador de Desenvolvimento Territorial da SAF, José Mesquita, a realização das Conferências acentuou a discussão acerca da Ater que traz desafios não apenas para a Conferência Estadual, mas para o Maranhão.

“Comunidades, povos tradicionais, agricultores, pescadores e empresas prestadoras de Ater participaram das Conferências mostrando uma movimentação importante envolta dessas discussões que traz a Ater para um contexto atualizado para o Governo Flávio Dino”, ressaltou Mesquita.

Em 2016 será dada a continuidade nas Conferências nos territórios do Baixo Parnaíba, Médio Mearim, Campos e Lagos e Metropolitano.

Além do secretário Adelmo, estavam presentes na Conferência em Balsa, coordenador de Ater, José Mesquita, o presidente da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural- AGERP, Fortunato Macedo, Diretor de Ater da Agerp, Pedro Pascoal, Gestor Reginal da Agerp de Balsas, Aldecy Pereira, delegado do MDA Vicente Mesquita, Diretor do Instituto de Colonização e Terras do Maranhão, Chico Freitas e coordenador dos escritórios regionais da Agerp, Aldean Bezerra.

Fique atento à criançada nesta época de Natal.

21 dez

O fim do ano chegou, é tempo de celebrar o natal e reunir a família, e com ele vem às férias da criançada. Por isso, a Cemar esta semana dá dicas sobre os cuidados que devemos tomar com energia elétrica na decoração de natal para evitar acidentes com os pequeninos em casa. Segurança nunca é demais!

Ao colocar os pisca-piscas na árvore de natal lembre-se que no momento de ligá-los, você deve posicionar a árvore bem à frente da tomada que está sendo usada, assim a criança não correrá risco de puxar o fio e levar um choque;

Não use fios de pisca piscas emendado, velho ou danificado; Evite acidentes com energia elétrica com crianças e adultos;

Mantenha as crianças longe de tomadas, fios e enfeites natalinos elétricos. Use tomadas no novo padrão ou utilize protetores;

O uso definitivo do “T” (benjamim) para ligar os enfeites natalinos é perigoso, podendo, super aquecer e causar um acidente. Quando necessário dê preferência por extensão do tipo régua.

Crianças são atraídas pelas lâmpadas e podem sofrer acidentes elétricos ao manusearem indevidamente os enfeites, por isso deixe a fiação longe do alcance das crianças;

Árvores e enfeites que usam energia elétrica devem ficar afastados de cortinas, sofás e outros objetos que podem incendiar, caso haja algum curto circuito.

Quando todos forem dormir é importante desligar toda decoração natalina que usa energia elétrica.

Eletricidade é coisa séria. Prevenção é sempre a melhor atitude! Para mais informações entre no site www.cemar116.com.br, vá a uma das Agências de Atendimento da Cemar ou ligue gratuitamente para a Central de Atendimento 116.

Janot pede afastamento de Cunha do cargo de deputado

17 dez

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu o afastamento do deputado federal Eduardo Cunha (PMDB-RJ) do cargo de deputado federal. O pedido foi encaminhado ao Supremo Tribunal Federal (STF). O afastamento do mandato culminaria com a natural saída de Cunha da presidência da Câmara.

Janot argumentou que Cunha utiliza o cargo para “interesse próprio e fins ilícitos”, conforma nota divulgada pela Procuradoria Geral da República (PGR) no início da noite desta quarta-feira. “A medida é necessária para garantir a ordem pública, a regularidade de procedimentos criminais em curso perante o STF e a normalidade das apurações submetidas ao Conselho de Ética.”

O procurador-geral lista 11 comprovações de que Cunha usa o mandato de deputado e o cargo de presidente da Câmara para “constranger e intimidar parlamentares, réus colaboradores, advogados e agentes públicos, com o objetivo de embaraçar e retardar investigações contra si”. Os documentos apreendidos ontem na residência oficial do presidente da Câmara “reforçaram as provas já reunidas pela PGR”.

Leia a íntegra da nota da PGR:

“O procurador-geral, Rodrigo Janot, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF), nesta quarta-feira, 16 de dezembro, que o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, seja afastado do seu mandato parlamentar e, como consequência, da presidência da Casa. Segundo Janot, Cunha vem utilizando de seu cargo para interesse próprio e fins ilícitos. A medida é necessária para garantir a ordem pública, a regularidade de procedimentos criminais em curso perante o STF e a normalidade das apurações submetidas ao Conselho de Ética.

Conforme o pedido, tanto as acusações de corrupção e lavagem de dinheiro (Inq 3983), quanto a investigação por manutenção de valores não declarados em contas no exterior (Inq 4146), podem acarretar a perda do mandato de Eduardo Cunha, seja pela via judicial ou no campo político-administrativo, o que autoriza a medida cautelar de afastamento do cargo. Para o PGR, os fatos retratados na petição são anormais e graves e exigem tratamento rigoroso conforme o ordenamento jurídico.

O PGR aponta em seu pedido onze fatos que comprovam que Eduardo Cunha usa seu mandato de deputado e o cargo de presidente da Câmara para constranger e intimidar parlamentares, réus colaboradores, advogados e agentes públicos, com o objetivo de embaraçar e retardar investigações contra si. Os documentos apreendidos nas buscas realizadas na data de ontem, 15 de dezembro, reforçaram as provas já reunidas pela Procuradoria-Geral da República.”

 

Fonte: Agência o Globo

5° BPM de Barra do Corda oferece recompensa para informações que levem ao suspeito do homicídio que vitimou o Soldado Dantas

17 dez

 

O 5° Batalhão de Barra do Corda está oferecendo uma recompensa de  R$ 5 mil reais para quem fornecer  informações que levem a prisão do suspeito de matar um policial militar no Bar Aeroporto, no dia 25 de outubro deste ano.

Será garantido à preservação da identidade do denunciante.

 

Denuncie:

E-mail: 5bpm.barradocorda@gmail.com             

Fones: Whatsapp   (99) 9 8102-3333,   (99) 3643 – 1502 ou 190

 

Com informações do 5º BPM de Barra do Corda