Archive | abril, 2016

Primeiro dia da Agritec Cocais recebe 6 mil pessoas

29 abr

Tendo como objetivo principal levar conhecimento e acesso às novas tecnologias ao agricultor familiar, o primeiro dia da Feira de Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão – Agritec de Codó, recebeu 6 mil pessoas.

Palestras como “O mercado institucional como instrumento para o fortalecimento da agricultura familiar” instruíram o homem do campo a manusear de forma segura o alimento a ser comercializado.

De acordo com a coordenadora interina do Departamento de Mercado Internacional da SAF, Aline Reis, o fornecimento de alimento seguro é fundamental. “Repassamos ao agricultor instruções de como manusear o alimento que ele vai comercializar e ainda tiramos dúvidas em relação à inspeção sanitária. Orientações sobre alimentos de origem animal também fazem parte das orientações ao agricultor”, explicou.

Outro destaque do dia foi a palestra “Biofort: Biofortificação de alimentos promovendo segurança alimentar e nutricional no Maranhão” que tratou da introdução de alimentos biortificados na alimentação do agricultor familiar.

Mandioca, feijão-caupi, milho e batata doce biofortificados, são exemplos de alimentos melhorados quanto aos teores de micronutrientes como vitamina A, ferro e zinco. O agricultor pode ter acesso a sementes de alimentos como esses, por meio do projeto Rede Biofort coordenado pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa.

A Feira também ofereceu serviços. Cadastro Ambiental Rural – CAR, transações bancárias, emissão de documentos pessoais, comercialização de produtos alimentícios, foram alguns deles.

A comercialização neste primeiro dia de evento foi aproximadamente de R$ 5 mil representando a força do produto vindo do campo. Emissões de documentos como carteiras de trabalho totalizaram 40. Já carteiras de identidade e consultas ao CPF somaram um total de 271 atendimentos. 60 famílias fecharam contratos de financiamento para agricultura familiar. E ainda 80 pessoas fizeram consultas de regularização fundiária por meio do Instituto de Colonização e Terras do Maranhão – Iterma.

“Através do Governo do Estado, levamos conhecimento aos agricultores, comercialização, transferências tecnológicas, incentivos financeiros, contratos firmados com instituições financeiras. Tudo isso, mostra o empenho do Governo em transformar a realidade do Maranhão por meio do conhecimento e da produção”, enfatizou o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares.

Para o presidente da Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão – Agerp, Júlio César Mendonça, a Agritec é um avanço na realidade do agricultor familiar. “Toda a equipe do Sistema SAF incluindo a Agerp está empenhada em levar tecnologia e melhoria na qualidade de vida do homem do campo. Aqui podemos perceber a assistência técnica, extensão rural e pesquisa, pilares da instituição, de maneira aplicada”, disse

O dia de atividades da primeira Agritec de 2016, em Codó encerrou com apresentação de grupos culturais locais e rodas de capoeira.

 

IMG_2921

IMG_2790

Ferramenta permite descobrir quantas pessoas tem o mesmo nome no Brasil

29 abr

IBGE lança ferramenta que permite descobrir quantas pessoas tem o mesmo nome no Brasil.

No Brasil, existem cerca de 200 milhões de habitantes e com um pouco mais de 130 mil nomes diferentes. A ferramenta permite descobrir em que década o nome esteve em alta, localidade onde existem mais pessoas com o mesmo nome, dentre outros detalhes.

Basta clicar aqui e fazer uma pesquisa.

 

Prefeitura convoca caxienses para vacinação contra a gripe Influenza A

29 abr

A Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria de Saúde, participa da 18ª Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe Influenza A, que será realizada entre os dias 30 de abril e 20 de maio. A população poderá se vacinar nos postos de saúde, nas zonas urbana e rural, e se prevenir.

O objetivo da campanha é reduzir em pelo menos 80% a mortalidade, as complicações e internações decorrentes das infecções pelo vírus Influenza A em cada um dos grupos prioritários, entre eles:

 

·         Idosos a partir de 60 anos de idade;

·         Crianças de 6 meses a menores de 5 anos;

·         Gestantes;

·         Puérperas (até 45 dias após o parto);

·         Trabalhadores de saúde.

 

Locais de vacinação

 

As vacinas estarão disponíveis em 25 postos de saúde na zona rural e 11 na zona urbana, na Maternidade Carmosina Coutinho e pontos estratégicos, como escolas municipais e estaduais, associações e igrejas

 

Saiba mais

 

A gripe Influenza A, conhecida também como H1N1, é uma doença respiratória infecciosa de origem viral, que pode levar ao agravamento e ao óbito, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco para as complicações da infecção (crianças menores de 5 anos de idade, gestantes, adultos com 60 anos ou mais, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais).

Os sintomas mais comuns da Influenza A é febre acima de 38ºC, tosse e dificuldade em respirar. O Ministério da Saúde alerta que ninguém deve tomar medicamento sem indicação médica. A automedicação pode mascarar sintomas, retardar o diagnóstico e até causar resistência do vírus.

 

Dupla é presa com 111 pedras de crack

29 abr

Com informações do 2º BPM – Caxias

 

Após vários levantamentos e campanas feitos pelo Serviço de Inteligência do 2ª BPM, visando reprimir o tráfico de drogas em pátios de postos de gasolina, localizados na extensão da BR-316, bairro Volta Redonda, foi efetuada a prisão de dois indivíduos que mais atuavam nesses setores. Um deles foi identificado como Francisco Leandro da Silva Brás “Léo”, 24 anos de idade, residente na Vila São José. O outro trata-se de um adolescente de 17 anos de idade, identificado com as iniciais R. B. N .,residente no campo de Belém, o   qual servia de “avião” para passar a droga.

 

b

Na casa de Francisco Leandro os agentes do SI encontraram 111 (cento e onze) Pedras de crack, a quantia de R$ 295,00 (duzentos e noventa e cinco reais), além de um equipamento completo de som. Uma motocicleta Honda Fan, cor preta, placa NMU-0829, que eles utilizavam para passar a droga nos estacionamentos dos postos, também foi apreendida pelos PMs.

A dupla foi apresentada com todo o material apreendido no Plantão Central de Polícia Civil de Caxias para os procedimentos legais.

Francisco Leandro já havia sido preso pela PM, por tráfico de drogas, no dia 14/02/2015.

 

b1

b2

b3

Agritec Codó: Maranhão recebe mais de R$ 14 milhões para investir na agricultura familiar

28 abr

Foto 4_Gilson Teixeira_28-04-2016- Abertura da Agritec Cod+¦ (4)A Feira da Agricultura Familiar e Agrotecnologia do Maranhão (Agritec) do Território dos Cocais iniciou, nesta quinta-feira (28), em Codó, com uma novidade para o Maranhão. O estado receberá mais de R$ 14,5 milhões do Governo Federal para ampliar a capacidade produtiva e qualidade de vida das famílias rurais no interior do estado.

Na abertura da Agritec Codó, Solange Amarilis, da coordenação do Projeto Água Doce do Ministério do Meio Ambiente (MMA), oficializou junto ao Executivo Estadual, o investimento de R$ 9.667.110,79 milhões para beneficiar 11.500 pessoas.

O convênio tem o objetivo de fornecer água de qualidade para consumo humano e pretende instalar 30 sistemas de dessalinização, entre eles, três serão sistemas de arranjo produtivos abrangendo os municípios de Codó, Caxias, Coroatá, São João do Sóter, Timbiras, Aldeias Altas, Duque Bacelar, Itapecuru, Pirapemas, Araioses, Água Doce, Primeira Cruz e Chapadinha. O público alvo são agricultores familiares, comunidades quilombolas e assentados de programas dos governos estadual e federal.

“Com a assinatura do convênio, o Maranhão passa a ser o décimo estado da federação a ser beneficiado com as ações do Programa. É uma satisfação trabalhar em parceria com um governo que trabalha para que os recursos cheguem a quem mais precisa”, enfatizou Solange Amarilis, da coordenação do Projeto Água Doce do Ministério do Meio Ambiente.

O secretário de Desenvolvimento Regional do Ministério da Integração, Glauco Mendes, também firmou parceria com o Governo do Estado e assinou acordo de responsabilidade de empenho na ordem de R$ 5 milhões do Programa ‘Água Para Todos’ para construção de barreiro e kit de sistema simplificado para beneficiar produtores dos municípios de Duque Bacelar, Chapadinha, Vargem Grande, Codó e Caxias.

O secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares disse que, passo a passo, estão sendo construídas políticas públicas para todos os maranhenses ao serem aplicados corretamente os recursos públicos. “Vamos continuar apoiando a produção e os agricultores familiares. Acreditamos que esse é o caminho correto, investir na educação e na produção. Nós temos uma crença profunda de que estamos no caminho correto”, destacou o secretário.

Adhemar Lopes, secretário Nacional de Reordenamento Agrário do Ministério do Desenvolvimento Agrário, durante o evento parabenizou a SAF pelo empenho para destravar os recursos do crédito fundiário na ordem de R$ 11.781.232,55 para execução de Subprojetos de Investimentos Comunitários (SIC).

A ação está garantindo as condições de infraestrutura básica e produtiva aos agricultores familiares por meio de associações de trabalhadores rurais. A Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (SAF) operacionaliza os empreendimentos rurais que beneficiam centenas de famílias assentadas pelo programa no Maranhão. A ação é executada por meio da Unidade Técnica Estadual (UTE), que coordena o crédito fundiário no estado.

Dona Maria de Jesus (Dijé), coordenadora do Movimento Interestadual das Quebradeiras de Coco Babaçu, representando todos os movimentos sociais, agradeceu a oportunidade que o Estado está dando para as quebradeiras mostrarem seus trabalhos e como cuidar da natureza. “Nós tiramos nosso alimento da natureza e a preservamos. Sem agricultura familiar não é possível a sobrevivência das famílias, aqui é um espaço de muito aprendizado”, declarou.

 

Abertura da Agritec

 

Além dos importantes anúncios de investimento do Governo Federal, na abertura da Feira foi entregue três motos e três GPS para a regional da Agerp de Codó executar o Cadastro Ambiental Rural (CAR), e beneficiar agricultores familiares, comunidades e povos tradicionais. O CAR é uma ferramenta utilizada para auxiliar o processo de regularização ambiental de propriedades e posses rurais.

Na ocasião, foram firmados contratos de financiamento do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) que beneficiarão agricultores do município de Codó com a concessão de créditos bancários para ampliar a produção da família produtora rural. Foram entregues ainda 18 kits feira para atender a regional de Codó. O kit é composto por: barracas, balanças, caixas plásticas, gaiolas, caixas de isopor, pallet, jalecos, bonés e camisas.

O Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (Iterma) entregou títulos de terra de 1.517 hectares para a Associação dos Pequenos Produtores Rurais do Povoado Riacho Seco, beneficiando 32 famílias.

A Agritec é uma realização do Governo do Estado do Maranhão, por meio do Sistema SAF, composto pela Secretaria de Agricultura Familiar (SAF), a Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e de Extensão Rural do Maranhão (Agerp) e o Instituto de Colonização e Terras do Maranhão (Iterma), em parceria com Embrapa/Cocais, Sebrae, Prefeitura municipal de Codó e Movimentos Sociais como a Aconeruq, Fetaema, Fetraf-MA, MIQCB e MST.

A Feira é uma verdadeira vitrine de oportunidades para o homem do campo, pois é um espaço de capacitação e acesso às novas tecnologias, de modo que ele possa melhorar sua produção quantitativa e qualitativamente.

Participaram da abertura o presidente da Agerp, Júlio César Mendonça, presidente do Iterma, Mauro Jorge, prefeito de Codó Zito Rolim, vereador de Codó Pedro Belo, secretários estaduais e municipais, vereadores, lideranças e representantes dos movimentos sociais.

 

Foto 11_Gilson Teixeira_28-04-2016- Abertura da Agritec Cod+¦ (11)

Foto 18_Gilson Teixeira_28-04-2016- Abertura da Agritec Cod+¦ (18)

Foto 21_Gilson Teixeira_28-04-2016- Abertura da Agritec Cod+¦ (21)

Carros fumacê começam a circular em Caxias próxima semana

28 abr

A Unidade Regional de Saúde (URS) de Caxias recebeu do Governo do Estado dois carros fumacê para complementar o combate ao mosquito Aedes aegypti (transmissor da zika, dengue e chikungunya) que tem sido desenvolvido pela Prefeitura. O serviço começa na próxima semana nos bairros da cidade.

 

A chefe do controle vetorial da URS, Clennya Simão, enfatizou que o início do trabalho dos carros fumacê será possível graças ao término do Levantamento de Índice Rápido (Lira), que acontece nesta sexta-feira (29), mostrando como anda a infestação por localidade. Assim, seguindo a portaria do Ministério da Saúde que pede esse relatório, o combate ao mosquito se dá de forma mais direta e eficiente.

Os profissionais que vão fazer a nebulização pelas ruas foram capacitados e receberam todos os equipamentos de proteção individual para desempenhar a tarefa. Os tonéis de inseticida também já estão na unidade.

 

Repelente para gestantes

 

A partir da próxima semana, 390 gestantes caxienses que fazem parte do Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), do Governo Federal, receberão dois frascos de repelente para ajudar na prevenção às doenças transmitidas pelo Aedes. Outro benefício recebido pela URS foram novos kits para os Agentes de Combate às Endemias.

 

A Unidade Regional de Saúde de Caxias atende mais seis municípios: São João do Sóter, Coelho Neto, Duque Bacelar, Aldeias Altas, Buriti, Afonso Cunha.

Caxias ganha 3 motos para realização do Cadastro Ambiental Rural e 35 Quintais Produtivos

28 abr

Mais uma parceria entre a Prefeitura de Caxias e o Governo do Estado beneficia os agricultores familiares do município. Em solenidade realizada na manhã desta quarta-feira (27), na Secretaria Municipal de Agricultura, foram entregues 3 motos para o levantamento do Cadastro Ambiental Rural (CAR), além de 35 Quintais Produtivo de meio hectare para agricultores que fornecem para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

 

Segundo o secretário de Agricultura de Caxias, Manoel Silveira, “as motos destinadas ao CAR, bem como os kits que atenderão 35 famílias, irão ajudar a alavancar mais ainda a produção local, e os produtores da zona rural que necessitem de investimento na produção”.

Na oportunidade, o prefeito de Caxias, Leo Coutinho, enfatizou a importante parceria com o Governo do Estado. “Nesse quase um ano e meio de governo Flávio Dino, desde ações pequenas a ações mais complexas, quase todo mês a zona rural de Caxias é contemplada com alguma novidade. Esse é o nosso compromisso, dizer ao homem do campo que estamos aqui do lado. E quanto mais apoio e suporte tivermos, é claro que quem ganha é a população”.

 

Para o homem do campo

 

Para o vereador Neto do Sindicato, também representando a classe de trabalhadores rurais, “o município está de parabéns por ser contemplado com mais equipamentos que visam criar e fortalecer espaços de promoção e comercialização dos produtos da agricultura familiar”.

“O município de Caxias é prioritário dentro das nossas diretrizes de trabalho no desenvolvimento da agricultura familiar no Maranhão”, afirmou o secretário de Estado de Agricultura Familiar, Adelmo Soares.

 

Fonte: ASCOM – PREFEITURA MUNICIPAL DE CAXIAS

Lei do bem pode fazer o preço de eletrônicos caírem

27 abr

A associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) divulgou na noite de ontem que conseguiu uma liminar judicial muito aguardada pelos consumidores. Trata-se de uma decisão para restabelecer a desoneração do PIS/COFINS em produtos de informática e telecomunicações. Ou seja: pelo menos provisoriamente, podemos comemorar a volta da “Lei do Bem” — que desonera os eletrônicos no Brasil.

De acordo com a publicação no site da Abinee: “A ação está fundamentada na tese de que a revogação ocorrida por força da MP 690 foi feita de forma ilegítima, uma vez que o benefício da alíquota zero tinha prazo para acabar (31 de dezembro de 2018), e, de acordo com o regramento jurídico brasileiro, benefício fiscal concedido a prazo certo não pode ser revogado.”

Com essa informação, as empresas associadas à Abinee podem voltar a vender seus produtos aos consumidores com valores mais baixos, uma vez que as taxas PIS/COFINS não fazem mais parte da construção dos preços. Não há informações sobre recursos que podem ser movidos pelo Governo brasileiro, mas é possível que haja alguma movimentação desse tipo nos próximos dias.

 

Fonte: TecMundo

PEC que proíbe candidatos sem diploma pode impedir nova candidatura de Lula

27 abr

Se aprovada pelo Congresso, uma proposta de emenda à Constituição vai proibir candidatura a quem não tiver ensino superior. O texto, apresentado em março, impediria, por exemplo, a volta do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Palácio do Planalto.

Apresentada em 15 de março pelo deputado Irajá Abreu (PSD-TO), a proposta foi assinada por 190 deputados, 19 a mais do que o necessário.

Irajá é filho da ministra da Agricultura,Kátia Abreu, aliada da presidente Dilma Rousseff. O texto é assinado por nove petistas, entre eles os deputados Marco Maia (RS), Pepe Vargas (RS) e Sibá Machado (AC).

Na justificativa, Irajá diz buscar “estabelecer um patamar superior” para os representantes. De acordo com ele, “a disponibilidade de conhecimentos integrados por uma visão acadêmica pode propiciar com maior efetividade uma visão mais profunda da realidade brasileira”.

O deputado diz ainda que hoje muitos integrantes do Legislativo possuem dificuldade de leitura, “o que impede que os membros atuem de modo efetivo nas suas funções constitucionais”.

O texto abre uma exceção para aqueles sem graduação. Quem já é senador, vereador ou deputado federal, estadual ou distrital e não possui ensino superior poderia se candidatar novamente ao mesmo cargo.

Tramitação da PEC do Diploma

A proposta aguarda apreciação na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara, que ainda não começou os trabalhos de 2016.

Se aprovada a admissibilidade na CCJ, a Câmara cria uma comissão especial para analisar a PEC.

O colegiado tem 40 sessões plenárias para votar um parecer. Se for positivo, a proposta vai a plenário.

Lá são necessários três quintos dos deputados, ou seja, 308 votos, para aprovação.

O texto é votado em dois turnos e, se aprovado, segue para o Senado. Lá, a PEC também passa pela Comissão de Justiça e pelo plenário, igualmente em dois turnos.

 

Fonte: HuffPost Brasil

Secretaria do Trabalho oferece vagas de emprego para mecânico e operador e auxiliar de caldeira

26 abr

A Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria do Trabalho e Economia Solidária (SEMTRES), informa que está com vagas abertas para os cargos de mecânico, operador de caldeira e auxiliar de caldeira.

Os candidatos interessados deverão comparecer à SEMTRES para efetuar ou atualizar seu cadastro no Sistema Nacional de Emprego (SINE), munidos de seus documentos originais: RG, CPF, Carteira de trabalho e número do PIS.

A SEMTRES fica localizada no Centro de Cultura, em frente à Praça Pantheon, e funciona no horário das 8h às 14h.