Archive | Educação RSS feed for this section

Prefeitura entrega as primeiras creches-modelo de Caxias

11 ago

Com as novas instituições de ensino, a cidade passará a atender quase seis mil crianças na Educação Infantil.

A Prefeitura de Caxias inaugurou, na manhã desta sexta-feira (8), as primeiras creches modelo do município. As novas unidades, que seguem as normas do Ministério da Educação, foram entregues às comunidades do Residencial Eugênio Coutinho e do bairro Caldeirões, e ao todo irão contemplar 500 crianças.

 

DSC_0425

 

O prefeito Leonardo Coutinho, o vice-prefeito Zé Martins, secretários municipais, vereadores e a sociedade civil acompanharam as solenidades de entrega.

A solenidade de inauguração começou pela creche do Eugênio Coutinho. A instituição de Ensino Infantil leva o nome da professora Maria Benedita Pereira da Silva. 250 crianças do Eugênio Coutinho e bairros adjacentes serão beneficiadas. Estudantes com dificuldade de locomoção por causa da distância contarão com transporte.

A outra creche inaugurada foi no bairro Caldeirões, onde mais 250 crianças também serão contempladas.

Mais de 30 profissionais de diversas áreas irão trabalhar nas duas creches, cada uma com espaço de 1.116 metros quadrados. Brinquedoteca, laboratório de informática, sala de leitura, espaço de socialização, além de outras atividades estarão sendo oferecidas ao público infantil caxiense.

Além dessas duas, outras duas creches com o mesmo padrão também serão inauguradas.

As aulas começam na próxima semana. Segundo a secretária municipal de Educação, Sílvia Carvalho, as unidades atenderão, inicialmente, crianças com faixa etária entre 3 a 5 anos, dividido nos turnos matutino e vespertino. “Todos estão vendo a estrutura desse prédio. Vai ser oferecida inicialmente a Educação Pré-escolar, que é direcionada às crianças de 4 e 5 anos, e posteriormente receberemos as crianças de 3 anos, e continuadamente até que se chegue ao berçário. Então, esse prédio foi planejado para receber crianças de 0 ano até os 5 anos de idade”, destacou a secretária.

Com as novas instituições de ensino, a cidade de Caxias passará a atender quase seis mil crianças na Educação Infantil.

Para a moradora do bairro Caldeirões, Maria de Jesus, a chegada da creche vai facilitar a sua vida. Por trabalhar como empregada doméstica, tinha dificuldades para deixar seu filho de 4 anos na casa dos vizinhos ou a filha mais velha, de 14 anos, tendo que cuidar dele. Agora ela acredita que pode trabalhar sem preocupação, pois a creche se tornou uma boa casa para seu filho.

Na oportunidade, o prefeito Léo Coutinho enfatizou a importância das creches para o município. “Estamos inaugurando duas creches, e em breve entregaremos mais duas. Ao todo, serão mil vagas oferecidas às crianças. Elas seguem alto padrão de qualidade, exigidos pelo próprio MEC, e isso é bom para os nossos pequenos caxienses e os seus pais, que podem ficar tranquilos que seus filhos estarão bem asseguradas nas novas unidades educacionais”, disse o gestor municipal.

Ainda segundo prefeito, “as solenidades abrem um grande ciclo de inaugurações de obras no município de Caxias até o fim do ano”.

 

DSC_0508

 

DSC_0449

 

Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal de Caxias

Sisutec divulga vagas remanescentes nesta segunda-feira

11 ago

Começa nesta segunda-feira (11) o prazo de inscrições para as vagas remanescestes do Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). O prazo segue até o dia 20 de agosto.

As vagas remanescentes (não preenchidas) serão disponibilizadas on-line no site do Sistema para todos os candidatos com o ensino médio completo, independentemente de terem feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

O preenchimento será por ordem de inscrição. Após efetuar o registro, o candidato terá dois dias para fazer a matrícula na instituição, senão perde a vaga.

Fonte: NOCA/Mano Santos

Prefeitura realiza amostra de síntese integradora do PROJOVEM URBANO

23 jul

O programa é executado em quatro escolas do município.

 

DSC_0218

 

A Prefeitura de Caxias, por meio da Secretaria Municipal de Educação, da Coordenação do PROJOVEM URBANO e educadores, realizaram uma amostra de síntese integradora e exposição de ações pedagógicas referentes a cada uma das dimensões do programa: formação básica, participação cidadã e qualificação profissional.

No evento, realizado na última sexta-feira (18) na coordenação do Projovem Urbano, os temas foram conduzidos pelos 16 educadores e alunos projovianos. Os temas abordados foram: Juventude e Cultura; Juventude e Cidadania; Juventude e Futuro.

O objetivo da síntese de integração é, além de apresentar as experiências vividas em sala de aula, realizar uma socialização dos alunos que fazem parte do projeto.

Hoje o Projovem Urbano é executado em quatro escolas do município.

Os jovens e adultos também foram analisados quanto à evolução da leitura, escrita e do senso crítico. Para Yolauda Ramos, coordenadora do projeto em Caxias, o evento atendeu as expectativas e encerra mais um ciclo de estudo das pessoas que são atendidas pelo Projovem Urbano. “Podemos perceber que, tanto os professores como os estudantes estão comprometidos com o trabalho. Notadamente os educadores fizeram o alunado evoluir e, os professores, estão progredindo junto com eles porque a cada conteúdo repassado, a cada ideia inovadora de ensinar o crescimento e desenvolvimento dos professores também são visíveis”, afirmou a coordenadora.

Ao todo, mais de 50 pessoas participaram desta primeira edição da amostra de síntese integradora do Projovem Urbano. Segundo a coordenação, novos eventos para expor o trabalho dos professores juntamente com os projovianos serão realizados com frequência para impulsionar o comprometimento de todos os que fazem parte do programa.

 

DSC_0243

 

Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal de Caxias

Continua o impasse entre prefeitura de Aldeias Altas e Sindicato dos professores

5 jun

O impasse entre professores de Aldeias Altas e o prefeito Tinoco, continua.

 

Foto retirada do facebook

Foto retirada do facebook

 

Segundo informações postadas em na conta de Arimatéia Rocha em uma rede social o prefeito Tinoco teria informado que os vereadores teriam feito uma sessão extraordinária e que a lei que concedia o reajuste e que assim o salário já sairia com o aumento, neste dia 30 de Maio. Os professores ouviram um boato de que o pagamento iria atrasar e se encaminharam para a sala do prefeito, onde este ao chegar, conversou com os presentes.

Trecho do texto do professor Arimatéia Rocha:

 

“O GESTOR COMO GOSTA DE DAR CHÁ DE CADEIRA NOS TRABALHADORES, SE RETIROU DE SEU GABINETE E AUTORIZOU QUE O PROFESSOR ENTRASSE E LHE AGUARDASSE, QUANDO TINOCO ENTROU EM SEU GABINETE QUE VIU A QUANTIDADE DE PROFESSORES ALI PRESENTES (11), MUDOU LOGO DE CONVERSA, FOI LOGO DIZENDO QUE “O PROBLEMA DA FOLHA DE PAGAMENTO JÁ FOI RESOLVIDO, QUE OS VEREADORES FIZERAM UMA SESSÃO EXTRAORDINÁRIA APROVARAM A LEI QUE ESTAVA IMPEDINDO O REAJUSTE. QUE O PAGAMENTO VAI SAIR AINDA HOJE DIA 30/05/2014 COM REAJUSTE DE 8,32% RETROATIVO AO MÊS DE ABRIL”. COMO O PREFEITO ESTAVA RODEADO, PASSOU A FALAR DAS DIFICULDADES DE SUA GESTÃO, DESTACANDO OS MOTIVOS, “RECEBI O MUNICÍPIO COM MUITAS DIFICULDADES, TIVE DE FAZER DUAS PONTES IMEDIATAMENTE PORQUE MEU ANTECESSOR PRESTOU CONTAS DAS PONTES SEM TER FEITO, FIZ A ESCOLA NA LOCALIDADE QUEBRA BRAÇO, TAMBÉM PORQUE HOUVE COBRANÇA DO MINISTÉRIO PÚBLICO E DO TCE-MA, A CRECHE TAMBÉM VOU FAZER, MAS O DINHEIRO MEU ANTECESSOR LEVOU A METADE E NÃO FEZ NADA, É COM A OUTRA METADE DO DINHEIRO QUE VOU CONSTRUIR, POIS RECEBI A CRECHE NO CHÃO E JÁ ESTÁ NA PRESTAÇÃO DE CONTA COMO FEITA E FUNCIONANDO. ESTOU FAZENDO ESTAS COISAS PORQUE EU FAZIA PARTE DO MESMO GRUPO DE JOSÉ REIS NETO, MAS QUE AGORA ESTAMOS SEPARADOS E QUE O MUNICÍPIO DE ALDEIAS ALTAS É MAIS IMPORTANTE E FICA NO CENTRO E OS DOIS, FICA UM DE CADA LADO”. DEPOIS DESTAS PALAVRAS, O PREFEITO TINOCO CONVIDOU OS PROFESSORES PRESENTES QUE REPRESENTAM O SINDICATO PARA SENTAREM E DISCUTIR O QUE O SINDICATO ACHA ERRADO, É MELHOR CONVERSAR DO QUE BRIGAR, AS REUNIÕES PODEM SER MENSAL EM SEU GABINETE OU NO SINDICATO, OS TRABALHADORES QUE VÃO DECIDIR, MAS AS PORTAS DE NEGOCIAÇÕES E CONVERSAS ESTÃO ABERTAS.

QUANDO OS TRABALHADORES FORAM SACAR SEUS SALÁRIOS, COMPREENDERAM O TANTO QUE ESTE PREFEITO É MENTIROSO, SEM CONFIANÇA, SEM PALAVRA, DESRESPEITOSO, POIS NAS CONTAS ESTAVAM APENAS O REAJUSTE DE 8,32%, MAS A DIFERENÇA EM RELAÇÃO AO MÊS DE ABRIL NÃO FOI DEPOSITADO, NÃO HOUVE AS MUDANÇAS DE NÍVEL, NÃO HOUVE O PAGAMENTO DOS QUINQUÊNIOS E O PREFEITO TINOCO GARANTIU AOS TRABALHADORES PELA MANHÃ QUE JÁ HAVIA ASSINADO A FOLHA DE PAGAMENTO COM REAJUSTE DE 8,32% RETROATIVO AO MÊS DE ABRIL E TODAS AS DESPESAS.

PREFEITO TINOCO, NÃO DÁ PARA UM SINDICATO SÉRIO COMO O NOSSO FICAR DE CONFRARIA COM UM GOVERNO QUE MENTE DESCARADAMENTE, QUE AMEAÇA TRABALHADORES EM ASSEMBLEIA, QUE NÃO CUMPRE COM ACORDOS FEITOS, QUE NÃO MUDA NÍVEL DOS PROFESSORES EFETIVOS QUE TENHAM ADQUIRIDOS TÍTULOS ACADÊMICOS COMPROBATÓRIOS, QUE NÃO CONCEDE OS QUINQUÊNIOS AOS PROFESSORES EFETIVOS QUE TENHAM MAIS DE CINCO ANOS DE POSSE, QUE NÃO CONSTRÓI ESCOLAS PARA DIMINUIR A QUANTIDADE DE ALUNOS POR SALA, QUE NÃO MELHORA A MERENDA ESCOLAR, QUE NÃO MELHORA O TRANSPORTE ESCOLAR, QUE NÃO COLOCA VENTILADORES SUFICIENTES NAS SALAS DE AULA.

PREFEITO TINOCO, QUANDO VOCÊ MUDAR SUAS ATITUDES PARA MELHOR, PODE NOS CONVIDAR, POIS NÓS ESTAREMOS SEMPRE ABERTOS AOS DIÁLOGOS, AO ENTENDIMENTO E À COOPERAÇÃO. VAMOS FICAR AGUARDANDO SEU CONVITE!

OS PROFESSORES DE SALA DE AULA”

 

O titular do blog entrou em contato com a assessoria jurídica da prefeitura de Aldeias Altas e foi informado de que o retroativo virá, possivelmente, neste próximo mês. Falta apenas a aprovação de uma lei na câmara e tudo será cumprido.

Aguardemos e vamos ver como será o desfecho da história. O blog do Caio Motta se compromete sempre com a verdade e em ouvir os dois lados dos acontecimentos.

 

 

 

 

Secretaria de Educação realiza workshop para avaliação do Procel

22 mai

O Programa visa sensibilizar os alunos sobre o uso o uso reacional de energia elétrica nas escolas.

A Secretária Municipal de Educação em parceria com a Eletrobrás e Cemar realizaram, nesta quarta-feira (21), no auditório da Prefeitura, o Workshop do Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica, módulo Educacional. Participaram do evento, o coordenador do Procel no Maranhão, Arthur Quirino, o coordenador do Programa no município, Alex Charles Sousa Gonçalves, além de alunos e professores das escolas assistidas pelo projeto.

 

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

 

Atualmente trinta escolas do município participam do Procel Eduação. O Programa tem caráter educacional e visa reduzir o consumo de energia nas escolas e também fazer com que os estudantes levem os aprendizados para suas residências. Durante o evento, foram apresentadas as metodologias que estão sendo utilizadas para disseminação dos conceitos do programa nas escolas e comunidade.

O coordenador do Procel no Estado, Arthur Quirino, explicou que este workshop tem caráter qualitativo, com a função de avaliar a qualidade da disseminação dos conceitos do programa para os alunos e comunidade.  “Verificamos nesse workshop se está havendo a mudança de hábito, se realmente estamos atingindo nosso objetivo. O próximo será quantitativo, em que iremos verificar se a economia de energia está sendo efetiva. Esse diagnóstico só é possível, pois, a cada três meses, a coordenação do programa recebe a conta de energia das escolas e alunos para acompanhamento”, explica.

 

20140521_085343

Foto: Divulgação

 

Ao longo de um ano, depois da análise dos dados das contas de energias coletadas, constatou-se que a economia chegou a até 45% no consumo de energia elétrica das escolas com a implantação do Programa. Quando se usa energia elétrica de forma eficiente, existe mais economia e menos desperdício. Com a educação desses jovens através do Procel as escolas municipais vêm desenvolvendo uma cultura antidesperdício, que são aprendizados permanentes e se prolongam atingindo não apenas a conscientização nas escolas, mas também até os hábitos domésticos em casa.

 

Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal de Caxias

Prefeito se reune com coordenadores e monitores dos Programas Mais Educação e ProJovem‏

22 mai

O prefeito Léo Coutinho, acompanhado da secretária municipal de politicas para mulheres, Liana Lobato, coordenadores e monitores dos Programas Mais Educação e ProJovem, reuniram-se nesta terça-feira(21), no Ginásio Poliesportivo João Castelo, para delegarem sobre diretrizes dos programas para o ano de 2014.

 

p

 

RPS_4085

 

O encontro teve como objetivos também conversar sobre as atividades que estão sendo desenvolvidas com os jovens, discutir a importância do bom relacionamento familiar e esclarecer dúvidas. Os programas trabalham vários assuntos, como a escolha profissional, desenvolvimento das habilidades individuais, fortalecimento de vínculos familiares, atividades educativas, esportivas e culturais entre elas informática, dança, aulas de música, oficinas de artesanato e cursos em geral.

Atualmente a rede municipal de ensino de Caxias conta com a participação em média de 400 monitores e mais 12 mil alunos que participam dos programas. Essas escolas recebem o apoio financeiro do Governo Federal e da Secretaria Municipal de Educação, que também oferece o acompanhamento pedagógico nessas unidades.

Os Programas escolhem as atividades que podem desenvolver com os alunos, tais como: Acompanhamento Pedagógico; Educação Ambiental; Esporte e Lazer; Direitos Humanos em Educação; Cultura e Artes; Cultura Digital; Promoção da Saúde; Comunicação e Uso de Mídias; Investigação no Campo das Ciências da Natureza e Educação Econômica.

O prefeito Léo Coutinho falou da importância da interação entre todos que fazem parte da comunidade escolar. “Nós temos que conscientizar a comunidade escolar para que os alunos estejam participando. Pois temos relatos dos professores, que o desenvolvimento de praticamente 90% dos alunos que participam dos Programas tem melhorado muito em relação disciplina, organização e aproveitamento”.

 

Fonte: ASCOM – Prefeitura Municipal de Caxias

Secretário de Esportes de Caxias participa de reunião em Brasília sobre Programa Atleta na Escola

21 mai

Em Brasília o Secretario de Esportes, Lazer e Juventude de Caxias, juntamente com dezesseis secretários estaduais e municipais de cidades do Brasil, foram recebidos pelo Secretário Nacional de Esporte de Alto-Rendimento Ricardo Leyser, eles participaram nesta segunda-feira(19) de um encontro no Ministério do Esporte, onde foi discutido a primeira etapa de um processo que visa fortalecer algumas ações da pasta. Dentre os assuntos discutidos estavam o Programa Atleta na Escola e o Centro de Iniciação ao Esporte (CIE).

Sendo o único representante do Maranhão, o Secretario de Esportes Adelmo Soares ressalta a importância que foi a reunião para Caxias:

“Fiquei lisonjeado com a oportunidade que foi dada ao município de Caxias, agora na gestão de Léo Coutinho estamos implantando uma política de utilização dos equipamentos esportivos de modo a ampliar as perspectivas esportivas em todas as modalidades”.

Caxias vive uma realidade diferente e inovadora, mostrando que o esporte deve ser encarado de maneira tão importante quanto às outras pastas, já que é um tema transversal e uma cidade que possui um esporte forte, tem mais qualidade de vida, disciplina, educação e inclusão social.

Durante a sua fala o secretário elencou a lista de benefícios que Caxias recebeu do Ministério: “Caxias passa a estar inserida no mesmo nível de grandes cidades do País”.

Ainda aproveitando-se da fala, Adelmo agradeceu a importância da parceria do Ex-Prefeito de Caxias com o Deputado: “Enquanto Deputado Federal, as emendas de Flávio Dino com a perfeita execução orçamentária de Humberto Coutinho, tornaram Caxias sem sombras de dúvidas, umas das cidades com maior potencial Esportivo do Brasil”.

 

Adelmo Soares e Ricardo Leyser(Secretário Nacional de Esporte de Alto-Rendimento)

Adelmo Soares e Ricardo Leyser(Secretário Nacional de Esporte de Alto-Rendimento)

 

Reunião realizada em Brasília

Reunião realizada em Brasília

 

 

É Caxias ganhando cada vez mais destaque no cenário Nacional. . Confira mais no site:

 

http://esporte.gov.br/index.php/fique-por-dentro/67-lista-fique-por-dentro/47684-ministerio-do-esporte-recebe-secretarias-municipais-e-estaduais-em-brasilia

 

Confira o vídeo da reunião:

 

 

Fonte:  SEMELJ(Secretaria de Esporte, lazer e juventude) – Caxias

Profissionais da educação não tem seu reajuste salarial repassado pelo Prefeito de Aldeias Altas

20 mai

A coisa está feia em Aldeias Altas, os representantes dos funcionários públicos, reclamam que o prefeito não está cumprindo com seu dever e não está repassando a verba que vem do governo federal para os trabalhadores da educação.

Em texto divulgado nas redes sociais os sindicalistas informam:

 

“O prefeito e Aldeias Altas – MA, desrespeita trabalhadores da educação, ele ainda não repassou os 13% de reajuste salarial concedido pelo governo federal, conforme portaria nº 364, de 28/04/2014.
O prefeito Tinoco marcou uma audiência com o sindicato no dia 16/05/2014 às 11h:00, mas se escondeu com medo dos professores e mandou seu secretário de gabinete mentir dizendo que ele havia saído.
A secretária adjunta de educação Maria José Vieira bandeira (Zezé) não recebeu nossa pauta de reivindicação e marcou uma audiência pra hoje 19/05/2014 às 11h:30, porém a secretária de educação Edivana Ferreira que saiu da secretaria no dia 16/05/2014 para não receber os professores, hoje apenas apareceu na porta de seu gabinete e assinou a 2ª via da pauta de reivindicação, também mandou um ofício marcando uma reunião com todos os professores para o dia 23/05/2014 às 17h:00 na escolinha padre Antonio Ferraris.
As atitudes deste governo não nos surpreendem, pois sabendo quem faz parte dele, não se espera outra coisa senão desrespeito, tirania, ameaças e agressões físicas entre outras.
Na nossa pauta tem muitas reivindicações, entre elas temos: reajuste salarial de 13% para os professores com retroativo a janeiro de 2014;
redução de 1/3 da jornada de trabalho semanal para os professores de sala de aula conforme o § 4º, do artigo 2º, da lei nº 11.738/2008;
redução do número de aluno por sala de aula, de 43 para 25;
implantação dos planos de cargo, carreira e remuneração para todos os trabalhadores que ainda não tem;
construções de escolas na sede e zona rural para tirar os alunos e professores de ambientes insalubres;
professores da rede municipal de aldeias altas, ficamos de alerta com esse governo, pois ele pode no enganar, enviando ofício para uma reunião no dia 23/05/2014 na escolinha padre Antonio Ferraria e dia 20/05/2014 enviar para câmara o projeto de lei concedendo um reajuste salarial menor que 13%, pois a câmara de vereadores de Aldeias Altas, é uma vergonha! Uma grande parte dos veadores de Aldeias Altas estão no 1º mandato, mas fazem os mesmos jogos sujos dos anteriores. Nenhum deles tem o compromisso com a sociedade, para exigir as contas do prefeito pra fiscalizar.
Vamos todos para a câmara de vereadores de aldeias altas amanhã, para sabermos o que vai ser discutido lá, porque vereadores novos já estão alugando imóvel para o município, então, pode haver outras negociatas entre esses os poderes.”

 

 

 

Prefeito de Aldeias Altas ignora professores e suas reivindicações

17 mai

Como mostrado no blog anteriormente, os professores municipais de Aldeias Altas, fizeram uma convocação para os funcionários públicos irem exigir seus direitos junto ao Prefeito da cidade. Como resultado, foi informado pelo sindicato que:
“ALDEIAS ALTAS – MA
HOJE 16 DE MAIO DE 2014, OS PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE ALDEIAS ALTAS, PROCURARAM O GESTOR MUNICIPAL PARA ENTREGAR UMA PAUTA DE REIVINDICAÇÃO.
O PREFEITO QUE HAVIA MARCADO DESDE DE ONTEM UM ENCONTRO COM O SINDICATO ÀS 10h30, MAS NÃO COMPARECEU. ENTÃO OS PROFESSORES FORAM ENTREGAR A PAUTA PARA A SECRETÁRIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, MAS ESTA SAIU LOGO QUE VIU OS PROFESSORES SE APROXIMANDO DA SECRETARIA E NÃO DEIXOU DITO QUANDO VOLTARIA, EM SEU GABINETE ESTAVA SUA ADJUNTA, MARIA JOSÉ VIEIRA BANDEIRA (ZEZÉ), QUE RECEBEU OS PROFESSORES, TODA VIA, RECUSOU-SE A RECEBER A PAUTA DE REIVINDICAÇÃO DOS TRABALHADORES MUNICIPAIS, ALEGANDO QUE SÓ A TITULAR PODERIA RECEBER ESTE DOCUMENTO, QUANDO A SECRETÁRIA ADJUNTA DE EDUCAÇÃO FOI QUESTIONADA QUEM RESPONDIA NA AUSÊNCIA DA TITULAR, A ZEZÉ FALOU QUE ERA ELA, CONTUDO NÃO RECEBEU NOSSA PAUTA DE REIVINDICAÇÃO.
EM 2013 O VALOR ALUNO ANO ERA DE R$ 2.221,73 ATÉ INÍCIO DE DEZEMBRO, CONFORME PORTARIA MEC Nº 4, DE 07 DE MAIO DE 2013, MAS COM A PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 16, DE 17 DE DEZEMBRO DE 2013, O VALOR ALUNO ANO DIMINUIU PARA R$ 2.022,51 E NO DIA 27 DE DEZEMBRO DE 2013 FOI PUBLICADO A PORTARIA INTERMINISTERIAL Nº 19, FIXANDO O VALOR ALUNO ANO EM R$ 2.285,57 PARA VIGORAR EM 2014 E COM A PORTARIA MEC Nº 364, DE 28 DE ABRIL DE 2014 O VALOR ALUNO ANO FOI FIXADO EM R$ 2.287,87, COM ISTO O REAJUSTE DO PISO SALARIAL DOS PROFESSORES FOI DE 13%.
A FALTA DE TRANSPARÊNCIA DESTE GOVERNO, DEIXA TODOS EM ALERTA, POIS TEMOS DADOS DO BANCO DO BRASIL E DO TESOURO NACIONAL DOS RECURSOS TRANSFERIDO E QUE CHEGAM AO MUNICÍPIO, MAS O GOVERNO MENTE DIZENDO QUE NÃO CHEGARAM OS RECURSOS FEDERAIS, FALA QUE TEM UMA FOLHA DE PAGAMENTO MUITO ALTA, PORÉM NÃO MOSTRA AS FOLHAS DE PAGAMENTO PARA SE SABER QUEM RECEBE SEM TRABALHAR.
ALDEIAS ALTAS – MA JÁ RECEBEU DO GOVERNO FEDERAL EM 2014:
R$ 10.077.679,13 DO FUNDEB;
R$ 214.374,00 DA MERENDA ESCOLAR;
R$ 60.904,40 TRANSPORTE ESCOLAR;
R$ 97.627,00 PARA CONSTRUIR QUADRAS NAS ESCOLAS: ANTONIETA CASTELO, CRECHE TIA ANÁLIA E PADRE ANTONIO FERRARIS;
R$ 317.700,97 PARA CONCLUIR A CRECHE QUE ESTÁ DENTRO ANTONIETA CASTELO;
R$ 150.615,37 DE SALÁRIO EDUCAÇÃO.
SÓ PARA SER GASTO COM A EDUCAÇÃO, O PREFEITO TINOCO JÁ RECEBEU DO GOVERNO FEDERAL R$ 10.911.900,87, COM ESSE DINHEIRO QUE CHEGOU EM ALDEIAS ALTAS EM 2014, É SUFICIENTE PARA PAGAR O REAJUSTE SALARIAL DOS PROFESSORES EM 13% E AINDA HAVERÁ SOBRA DOS RECURSOS NO FIM DO ANO.”
Foto retirada da internet

Foto retirada da internet

 

Foto retirada da internet

Foto retirada da internet

 

Enem 2014: travestis e transexuais poderão usar nome social, diz MEC

11 mai

Os candidatos transgêneros — transexuais, travestis — poderão usar o nome social para fazer o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem 2014). A possibilidade virá discriminada no site do exame, que entrará no ar nesta segunda-feira, quando começam as inscrições. O edital, publicado ontem, não fornece dados sobre a medida, anunciada posteriormente pelo Ministério da Educação (MEC).

De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia responsável pelo Enem, haverá um número de telefone (0800-616161) por meio do qual o participante transexual ou travesti que desejar ser identificado pelo nome social deverá solicitar esse direito. O prazo para tal coincide com o fim das inscrições, 23 de maio. No site do Enem, as instruções sobre o uso do nome social virão na seção “Perguntas Frequentes”.

A medida já era esperada pela Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais (AGBLT), que se reuniu em audiência com o ministro da Educação, José Henrique Paim. A associação abraçou a causa desde a última edição do Enem, quando candidatas transexuais relataram constrangimentos ao assinar um formulário destinado a estudantes que não tinham identidade ou documentos oficiais. Segundo Toni Reis, secretário de Educação da AGBLT, embora Paim tivesse garantido que a inclusão do nome social já constaria do edital do Enem 2014, a opção discriminada no site já é um avanço.

— Mesmo que não esteja no edital, já consideramos um avanço. É fundamental, pois diz respeito à dignidade humana — sustenta Reis.

Para o próximo ano, o secretário da AGLBT afirma que vai lutar pela inclusão de um parágrafo inteiro no edital do Enem sobre a questão:

— O ideal é termos um dispositivo para isso. Nem todo mundo olha a seção de “Perguntas Frequentes” no site.

Medida é insuficiente, diz candidata

A medida não foi recebida com entusiamo por candidatos transexuais. Moradora de Sete Lagoas (MG), Beatriz Marques Trindade foi uma das estudantes que sofreram constrangimentos na última edição do Enem. Ao entrar no local de prova, um examinador duvidou de sua identidade, alegando que sua aparência física não era compatível com o nome que constava no cartão de inscrição. Após alguns momentos esperando do lado de fora da sala, Beatriz finalmente conseguiu realizar a prova.

Menos de um ano depois, ela conta que vai fazer novamente o Enem para tentar uma vaga do curso de Direito numa instituição pública. Segundo Beatriz, a medida do MEC é insuficiente.

— Parece que eles (o MEC) fizeram isso de última hora. O ideal seria que o nome social fosse informado no edital. Se lá tem a opção até para sabáticos, poderiam muito bem ter encaixado o nome social — queixa-se.

Algumas instituições de ensino superior, como a Uerj, a Universidade Federal de Sergipe (UFSE) e o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina (IFSC) já permitem a adoção do nome social. Na Uerj, a inclusão do nome social é garantida desde o vestibular de 2013 e foi determinada por um decreto de 2011 do então governador Sérgio Cabral, que assegura a transexuais e travestis essa utilização nos atos e procedimentos da administração direta e indireta do Estado do Rio de Janeiro. No vestibular deste ano, os estudantes têm até o dia 6 de maio para solicitar a inclusão.

— É um direito que o candidato tem de não passar por constrangimento nem discriminação. É mais uma medida de inclusão e de respeito à diversidade, uma posição diante do mundo, que está totalmente transformado. Temos que garantir direitos a essas pessoas. O primeiro (candidato ao vestibular da Uerj) que pediu eu até aplaudi — afirma a professora Elisabeth Murad, diretora do Departamento de Seleção Acadêmica da Uerj.

 

Fonte: G1/ 180 graus